Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7866
Título: Determinação de parâmetros estruturais e termodinâmicos da isoforma a-tripsina bovina em solventes aquo-orgânicos
Autor(es): Rosa, Dayanne Pinho
Orientador: Santos, Alexandre Martins Costa
Coorientador: Gonçalves, Juliana Barbosa Coitinho
Data do documento: 23-Fev-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: ROSA, Dayanne Pinho. Determinação de parâmetros estruturais e termodinâmicos da isoforma a-tripsina bovina em solventes aquo-orgânicos. 2017. 62 f. Dissertação (Mestrado em Bioquímica e Farmacologia) - Programa de Pós-Graduação em Bioquímica e Farmacologia, Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2017.
Resumo: Os solventes orgânicos são comuns em processos industriais que utilizam enzimas, mas, ao mesmo tempo, sabe-se que alteram suas propriedades. Assim, os efeitos do solvente orgânico aquoso (etanol) em diferentes concentrações na estrutura α- tripsina foram investigadas por técnicas espectroscópicas e análise de dados termodinâmicos. A espectroscopia de absorção UV-Vis, a fluorescência intrínseca do triptofano e o espalhamento dinâmico da luz (DLS) sugerem a formação de estados parcialmente dobrados, em vez de estados agregados, em alta concentração de etanol (> 60% v/v de etanol/tampão), exibindo pouca perda de estrutura secundária, mas alterações significativas na estrutura terciária. Os dados termodinâmicos (Tm e ∆H) sugerem um afrouxamento de interações intramoleculares fracas, o que se reflete em um aumento de flexibilidade de tal forma que a capacidade catalítica pode ser aumentada ou diminuída de acordo com a concentração de etanol no sistema. Os resultados globais sugerem que na faixa de 0-60% v/v de etanol/tampão, a α- tripsina sofre fenômenos de multimerização reversíveis, mantendo a sua atividade catalítica. No entanto a partir de 60% v/v de etanol/tampão, a população de estados parcialmente enovelados com menor atividade catalítica é predominante. Palavras chaves: tripsina, isoformas, enzimologia, solventes orgânicos, estrutura, termodinâmica.
Organic solvents are common in industrial processes that use enzymes but, at the same time, it is known that they change the properties thereof, thus the effects of aqueous-organic solvent (ethanol) in different concentration on the α-trypsin structure have been investigated by spectroscopic techniques and thermodynamic data analysis. The results from spectroscopic measurements, including far-UV Circular Dichroism, UV-Vis absorption spectroscopy, intrinsic tryptophan fluorescence and dynamic light scattering (DLS) suggest the formation of partially folded states, instead of aggregates states, at high ethanol concentration (> 60% v/v ethanol), with little loss of secondary structure, but with significant tertiary structure changes. The thermodynamic data (Tm and ∆H) suggest a loosen of intramolecular weak interactions, which reflects in a flexibility increase such that the catalytic capacity can be increased or decreased according to the ethanol concentration into the system. Overall results we suggest that in range of 0-60% v/v ethanol/buffer, α-trypsin undergoes reversible multimerization phenomena maintaining its catalytic activity. However from 60% v/v ethanol/buffer, population of folded partially states with less catalytic activity are predominant.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7866
Aparece nas coleções:PPGBF - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10774_025 - DAYANNE PINHO ROSA - DISSERTAÇÃO DE MESTRADO - FINAL.pdf786.26 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.