Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7973
Título: Efeitos Tardios do Isolamento Social Neonatal e do Desamparo Aprendido sobre os Níveis Tissulares e Taxa de Renovação da Serotonina das Regiões Dorsal e Ventrolateral da Matéria Cinzenta Periaquedutal de Ratos
Autor(es): ROSA, C. A.
Orientador: SCHENBERG, L. C.
Data do documento: 27-Ago-2012
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: ROSA, C. A., Efeitos Tardios do Isolamento Social Neonatal e do Desamparo Aprendido sobre os Níveis Tissulares e Taxa de Renovação da Serotonina das Regiões Dorsal e Ventrolateral da Matéria Cinzenta Periaquedutal de Ratos
Resumo: Estudos em animais mostraram que enquanto a estimulação elétrica da metade dorsal da matéria cinzenta periaquedutal (MCPD) produz comportamentos de congelamento (freezing) e fuga similares aos ataques de pânico, a estimulação da região ventrolateral (MCPVL) inibe estas respostas. Estudos clínicos e epidemiológicos sugerem, por outro lado, que o transtorno de pânico seja facilitado tanto pela ansiedade de separação na infância (ASI) como pelos transtornos depressivos e/ou traumáticos. Contudo, dados recentes do nosso laboratório mostraram que enquanto as respostas à estimulação da MCPD foram facilitadas em ratos adultos submetidos ao isolamento social neonatal (ISN), um modelo de ASI, elas foram inibidas em ratos com desamparo aprendido (DA), um modelo de depressão e/ou trauma. Portanto, como os agentes serotonérgicos são as drogas de primeira escolha no tratamento do pânico e da depressão, o presente estudo examinou os níveis teciduais de serotonina (5-HT) e do seu principal metabólito (5-HIAA), bem como a taxa de renovação da 5-HT (turnover), nas regiões dorsal e ventrolateral da MCPA de ratos adultos submetidos ao ISN ou DA. O ISN foi realizado diariamente ao longo do período de lactação (PN2-PN21) colocando-se um filhote numa caixa nova por 3 h enquanto os irmãos (controles) e a mãe eram transferidos a outra caixa em sala separada. No DA, os ratos eram colocados em caixas de vaivém (shuttle-box) dotadas de assoalhos eletrificados, e submetidos a um treino conjugado (yoked) de fuga de uma via a choques escapáveis (CE) ou inescapáveis (CI). No dia seguinte, o DA era avaliado pelo desempenho dos ratos numa fuga de duas vias (sessão-teste). Os animais eram sacrificados 7 e 30 dias após o término dos procedimentos de DA e ISN, respectivamente. As amostras tissulares eram coletadas pelo picoteamento (punch) de cortes coronais de 1 mm de espessura da MCPD e MCPVL e analisadas por cromatografia de alto desempenho (HPLC). Os dados dos grupos DA e ISN foram comparados àqueles de ratos virgens (VG). Comparados ao grupo VG, os ratos expostos ao CE apresentaram aumentos significantes dos níveis de 5-HT na MCPD, enquanto os ratos expostos ao CI apresentaram aumentos na 2 MCPVL. Como não foram observadas alterações significantes nos níveis do 5-HIAA, a tendência no aumento da taxa de renovação foi provavelmente devida ao aumento na síntese de 5-HT. Contrariamente, o ISN não teve efeitos diferenciados na MCPD e MCPVL. De fato, embora os grupos ISN e controle tenham apresentado aumentos significantes dos níveis e taxa de renovação de 5-HT em relação ao grupo VG, não foram observadas diferenças entre os primeiros. Concluindo, o presente estudo sugere que os efeitos tardios do DA sobre as respostas de defesa eliciadas pela estimulação da MCPD podem ser devidos aos aumentos diferenciados dos níveis de 5-HT na MCPD e MCPVL pela exposição ao CE e CI, respectivamente. Ao contrário, a facilitação destas respostas pelo ISN não pode ser explicada pelas alterações nos níveis de 5-HT. Palavras-chave: Matéria Cinzenta Periaquedutal, Pânico, Isolamento Social Neonatal, Desamparo Aprendido, Serotonina
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/7973
Aparece nas coleções:PPGCF - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_5899_.pdf1.59 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.