Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8566
Título: O diálogo entre teoria e prática : uma formação continuada de professores de ciências em serviço utilizando o Diagrama V
Título(s) alternativo(s): Dialogue between Theory and Practice : A continued formation of science teachers in service using the diagram V
Autor(es): Rabbi, Michel Adriano
Orientador: Silva, Laércio Evandro Ferracioli da
Palavras-chave: Autonomia
Formação continuada
Diagrama V
Movimento reflexivo crítico
Data do documento: 25-Fev-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Inicialmente, uma revisão de literatura sobre formação de professores em ciências foi realizada, onde foram elencadas problemáticas, identificados objetivos, referenciais teóricos e categorizadas as conclusões dos artigos selecionados. Esta revisão motivou a seguinte questão de pesquisa: como construir com professores de ciências, em encontros coletivos, reflexões sobre suas práticas no sentido da busca de autonomia, de forma a lidar com suas resistências e tensões para desenvolver estratégias que efetivamente conseguissem utilizar na sala de aula? Neste sentido, foi elaborada uma formação de professores com o objetivo de analisar um processo coletivo de formação contínua de professores em serviço, onde pudessem refletir sobre suas práticas, favorecendo o diálogo entre a teoria e a prática na construção e desenvolvimento do ato pedagógico. Durante o processo de formação foi utilizado o Diagrama V (descrito em detalhes no texto); não como uma metodologia, mas como ferramenta de auxílio nos processos educativos. A formação continuada envolveu cinco professores de ciências de escolas da rede municipal do município de Cachoeiro de Itapemirim ES, que se encontravam na presença e participação do pesquisador, discutindo e tecendo o curso em uma perspectiva formativa e colaborativa. Os encontros presenciais ocorreram durante um semestre letivo, intercalados com a realização de atividades de planejamento em casa e atividades com os alunos na escola. Para a coleta de dados, todos os encontros foram gravados e as falas dos professores transcritas. Além disso, foram coletados os Diagramas V produzidos pelos professores e pelos alunos. As impressões dos alunos em relação às atividades desenvolvidas também foram coletadas, através de falas espontâneas dos mesmos e de textos produzidos. Estes dados foram analisados qualitativamente através da análise de conteúdo e observando os Movimentos Crítico Reflexivos da pesquisa-ação, escolhida como opção teóricometodológica no contexto da formação continuada de professores. Refletir coletivamente, com a construção de Diagramas V com os alunos foi uma prática assumida pelos professores. Eles se inseriram em um caminho onde puderam ser pesquisadores de sua própria prática, puderam conhecer uma nova estratégia de ensino e reconhecer tanto a validade dessa proposta em seus contextos de sala de aula, quanto ao seu potencial pessoal para elaborar e desenvolver inovações no ensino, onde o conceito de Movimento Reflexivo Crítico foi tendo presença marcante na medida em que os ciclos foram avançando. E, finalmente, além de se propor um conceito de Professor Autônomo, no contexto da Formação de Professores, é sugerido, também, uma adaptação e ampliação do Diagrama V de Gowin (1981). Teríamos agora o Diagrama M, fazendo alusão ao Movimento Reflexivo Crítico discutido teoricamente e percebido na prática desse trabalho de doutorado.
Initially, a review of literature about the formation of the teachers in science was made, once were listed problematics, were identified objectives, theoric references and categorized the conclusions of the selected articles. This revision motived the following question of search: how to build with science teachers in collective meetings, reflections about their practices in the search for autonomy, of form to deal with their resistance and tension to develop strategies that they could effectively use in the classroom? In this sense, It was developed a curse of formation to teachers, with the objective of to analyze a collective process of continuous formation of teachers in service, where they could reflect in their practices, favoring the dialogue between theory and practice in the construction and development of the pedagogical act. During the process of formation, was used the Diagram V (described detailed in the text) not how a methodology, but how a auxiliary tool in the educatives processes.The continue formation involved five science teachers of municipal schools of Cachoeiro de Itapemirim - ES, they meet in the presence and participation of the researcher, discussing and building the curse in a perspective formative and collaborative. The presential meetings happened during one semester, intercalate with the realization home planning activities and activities with students at school. To collect data, all meetings were recorded and speeches of teachers transcribed. Beyond that, they collected the Diagrams V produced by teachers and by students. The impressions of students in relation to the activities were collected too, through spontaneous speeches of the same and produced texts. These data were analyzed qualitatively through of analysis of content and watching the Critical Movements Reflexive of the search-action,selected as option theoric-methodologic in the context of the continued formation of teachers. To reflect collectively , with a construction of Diagrams V with the students it was a pratic assumed by teachers. They insert themselves in a way which could to be researchers of their own practice, they might to know a new strategy of teaching and to recognize, the validity of this proposal in their contexts in classroom and their personal potential to elaborate and develop innovations in the education, where the concept of Critical Movement Reflexive was getting significant presence in that cycles in the proportion in that they were advancing. And finally, beyond to proposing a concept Autonomy Teacher , in the context of the Formation de Teachers, also suggest an adaptation and expansion of Diagram V Gowin (1981). Now we would have the Diagram M, alluding to Critical Movement Reflexive theoretically investigated and discussed in practice of this work of doctorate.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8566
Aparece nas coleções:PPGE - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
MICHEL ADRIANO RABBI.PDF3.42 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.