Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8596
Título: AS FIGURAÇÕES NA POLÍTICA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL NO ESPÍRITO SANTO
Autor(es): GASPAR, R. S.
Orientador: ALVES, E. P.
Palavras-chave: Educação em tempo integral
relação público-privado
polític
Data do documento: 28-Nov-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: GASPAR, R. S., AS FIGURAÇÕES NA POLÍTICA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO EM TEMPO INTEGRAL NO ESPÍRITO SANTO
Resumo: A pesquisa teve como foco a relação entre o público e o privado na implementação da política de educação de tempo integral na rede pública estadual do Espírito Santo, por meio do Programa Escola Viva. O Programa ancora-se em um modelo de escola de tempo integral inspirado na proposta educativa do Instituto Co-Responsabilidade pela Educação. Conta, ainda, com o apoio de uma Organização Não Governamental relacionada ao empresariado capixaba, a Espírito Santo em Ação. Com o propósito de compreender essa relação, procurou-se investigar de que maneira se configura a relação público-privado na implementação do novo modelo de educação em tempo integral para o ensino público da rede estadual do Espírito Santo, em especial com relação à gestão escolar. Assumindo como perspectiva metodológica o estudo de documentos, trata-se de uma investigação de cunho qualitativo, onde se buscou analisar os delineamentos que tem se configurado na adoção da parceria público-privado na implementação do modelo de escola em tempo integral para o Ensino Médio. Como fundamentação analítica utilizou-se dos pressupostos da sociologia figuracional de Norbert Elias, principalmente para compreender a rede de interdependência que se estabelece nas relações humanas e as formas como o poder, oriundo das relações sociais, se manifesta nas configurações humanas. Em nossa análise, identificamos um conturbado processo social na implementação da proposta política de escola de tempo integral, representada pelo Programa Escola Viva. Os resultados da investigação também evidenciaram que o modelo de escola proposto possui como eixo central a perspectiva gerencial, o controle e a responsabilização, assim como uma formação voltada para o alcance de metas em avaliações sistêmicas padronizadas em índices educacionais e a formação de jovens adaptados às exigências do mercado de trabalho.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8596
Aparece nas coleções:PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10605_ata_10605_Dissertação RONAN SALOMÃO GASPAR.pdf2.07 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.