Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8630
Título: Desafios e possibilidades na inclusão de alunos com deficiência no PROEJA IFES campus Vitória no NAPNE
Autor(es): Silva, Rosilene Gonçalves da
Orientador: Oliveira, Edna Castro de
Palavras-chave: Deficiência
Napne
Proeja
Inclusão
Data do documento: 1-Out-2014
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O Trabalho apresentado é resultado da investigação que teve como objeto de estudo as práticas educativas com vistas à inclusão promovidas pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Ifes) Campus Vitória, dentro do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional à Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos (Proeja), envolvendo alunos com deficiência do curso Técnico em Segurança do Trabalho que tinham como apoio o Núcleo de Atendimento a Pessoa com Necessidade Específica (Napne). Teve como objetivo conhecer e avaliar a política inclusiva do Ifes Campus Vitória a partir de ações em curso e já implementadas - no Plano de Desenvolvimento Institucional e no Projeto Pedagógico Institucional. Enfatizamos as ações e atividades do Napne no intuito de incluir esses alunos nesse espaço. Optou-se pela metodologia do estudo de caso, tomando como instrumentos para levantamento de dados: diários de campo; observação participante, análise documental, realização de entrevistas e aplicação de questionários a dezoito pessoas entre docentes, alunos, estagiárias, psicóloga e coordenadora. Diante da realidade estudada podemos inferir, a partir da legislação vigente no campo da educação inclusiva e dos dados empíricos levantados, que a inclusão tem sido apontada pelos atores envolvidos como positiva, acarretando uma série de mudanças para a concretização da proposta mesmo diante das dificuldades. Como resultados os docentes anseiam por uma formação continuada com a participação de todos os professores (do ensino geral e da área técnica), como espaço de trocas de experiências, aprendizados e constituição de novos saberes e como ferramenta necessária para a sensibilização de todos ao processo inclusivo e mudança de mentalidade. O Napne tem se consolidado como instrumento de fortalecimento da inclusão, auxiliando não só a entrada desse aluno, mas principalmente, sua permanência e a conclusão do curso, embora ainda notamos a falta de recursos humanos capazes de atender de forma apropriada pessoas jovens e adultas com deficiência.
The presented Work is a result of the investigation that had as object of study the educative practices with a view to the inclusion promoted by the Federal Institute of Education, Science and Technology of Espírito Santo (Ifes) Campus Vitória, within the National Program for the Integration of Professional Education to Basic Education in the Modality of Youth and Adult Education (Proeja), involving students with disabilities of the Safety Technical Course that had as support the Nucleus of Assistance to Person with Special Needs (Napne). It aimed to know and evaluate the inclusive policy of Ifes Campus Vitória based on ongoing actions - and already implemented - in the Institutional Development Plan and the Institutional Pedagogical Project. We enphasize the Napne’s actinos and activities in order to include these students in this site. We chose the methodology of the case study, taking as instruments for data collection: field journals; Participant observation, document analysis, interviews and application of questionnaires to eighteen people among teachers, students, trainees, psychologist and coordinator. Before the studied reality, we can infer from the current legislation in the field of inclusive education and the raised empirical data, that inclusion has been pointed out by the involved actors as positive, leading to a series of changes for the execution of the proposal even against difficulties. As results, the docentes long for continuous training with the participation of all teachers (general and technical areas), like a place for exchanging experiences, learning and constitution of new knowledge and as a necessary tool to increase everyone’s awareness of the inclusive process and change of mentality. Napne has been consolidated as an instrument to strengthen inclusion, supporting not only the entry of this student, but mainly, his/her permanence and completion of the course, although we still note the lack of human resources capable of adequately serving young people and adults with disabilities.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8630
Aparece nas coleções:PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_8426_Diisertação Rosilene.pdf2.04 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.