Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8661
Título: Práticas de hipervalorização de diferentes modos de ser surdo no contexto educacional do Centro de capacitação de profissionais de educação e de atendimento às pessoas com surdez (cas) no estado do Espírito Santo
Autor(es): Vieira, Eliane Telles de Bruim
Orientador: Machado, Lucyenne Matos da Costa Vieira
Palavras-chave: Governamentalidade
Data do documento: 4-Mai-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta dissertação apresenta o processo de constituição de uma hipervalorização de diferentes modos de ser surdo a partir das práticas pedagógicas do Centro de Capacitação de Profissionais da Educação e de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS), situado no município de Vitória, no Espírito Santo. Em busca de tais práticas, parto com a pesquisa do início da década de 1990, período que equivale à construção do prédio da Escola Especial de Educação Oral e Auditiva, espaço em que, na atualidade, está instalado o CAS. Parto desse local propondo também entender de que forma a arquitetura do prédio do CAS pode ter contribuído para a constituição de uma hipervalorização de um jeito de ser surdo em diferentes momentos históricos, análise que faço com base na hipótese de que o formato arquitetônico circular do prédio foi construído para hipervalorizar o aluno deficiente auditivo matriculado na Escola Especial de Educação Oral e Auditiva. Para a realização desta pesquisa, foram selecionados materiais a partir de um conjunto de documentos, da vivência com a comunidade escolar que constitui esse Centro, das entrevistas abertas, empregadas quando necessário, e das visitas aos outros CAS do Estado (Vila Velha e Cachoeiro de Itapemirim). Parto da compreensão da hipervalorização de diferentes modos de ser surdo fazendo o uso dos conceitosferramentas cunhados por Michel Foucault: governamentalidade, subjetivação e normalização. Por meio desses conceitos-ferramentas proponho compreender os efeitos da hipervalorização a partir das práticas educacionais que são geradas no CAS. Neste trabalho, tenho como objetivos específicos: investigar as condições históricas que possibilitaram as atuais práticas de um jeito de ser surdo; compreender a emergência de diferentes modos de ser surdo por meio das políticas de integração e inclusão escolar; e identificar as práticas políticas, pedagógicas e cotidianas do CAS que possibilitaram o processo de inclusão desse sujeito. Problematizando práticas produzidas no CAS, acredito que as mesmas constituam uma hipervalorização de um jeito ser surdo no contexto educacional. Também discuto quais efeitos essa hipervalorização pode acarretar para o processo de integração e inclusão educacional desse sujeito. Acredito reafirmar que as práticas educacionais empregadas pelo CAS podem ser caracterizadas como práticas que regulam e organizam o que os sujeitos surdos fazem, falam ou agem, constituindo uma experiência. Para discutir essa regularidade foi necessário analisar as práticas, discursivas ou não, e os regimes de verdade que a constituem.
This thesis presents a form of overestimation of an approach to deafness in relation to the pedagogical practices used in the Community Center for assistance for hearing impaired - Centro de Capacitação de Profissionais da Educação e de Atendimento às Pessoas com Surdez (CAS), located in Vitoria, Espirito Santo. The research refers back to the period of the 1990s in which the building was constructed for the community center. In this research I suggest a correlation between the building architecture and a noted behavior in the members with hearing impairment of the community center in different points in time. I assume that the fact that the building was constructed in a form of a circle intended to support the students with hearing impairment enrolled in the Community Center for assistance for hearing impaired.The research was based on a series of documents available in the center, my own experience with the community which is part of the CAS, open interviews and visits to other community centers in Espírito Santo, eg. Vila Velha and Cachoeiro de Itapemirim. We will take the overestimation of the deaf behavior as a starting point using key-concepts by Michel Foucault: governance, subjectivity and normalization. We will use these key-concepts to comprehend the overestimation in the deaf behavior along with the educational approach applied in CAS. In regards to the specific objectives of this research, I intend to investigate: the historical conditions that enabled the current practices in the deaf behavior through the social inclusion; identify the appearance of a new behavior in the hearing impaired deriving from historical moments as well as the practices for inclusion or exclusion applied in the certain point in time; identify political and pedagogic practices in CAS that facilitated the social inclusion of the hearing impaired, or gave incentive to a certain common behavior among the hearing impaired. The educational practices introduced by CAS will be item of study, in order to find out how they contribute to an overestimation in the educational context of the current deaf behavior to the social integration and inclusion of the hearing impaired.The intention in this research is, among others, to re-affirm that the educational practices used in CAS can be considered to influence the behavior of the hearing impaired, to influence how they act and what they say. The outcome of this influence can constitute an experience among the hearing impaired. In order to discuss this relation it was necessary to analyze these practices and the factors that influence them.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8661
Aparece nas coleções:PPGE - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9879_Dissertacao Eliane Final Correta.pdf1.1 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.