Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8746
Título: Trabalho assalariado : as condições de trabalho dos assistentes sociais do SUAS no município de Teófilo Otoni-MG
Autor(es): Jesus, Amanda Silva de
Orientador: Salazar, Silvia Neves
Data do documento: 26-Mai-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Na atual crise do capital que expressa o aprofundamento do desmonte das políticas sociais e de intensificação, superexploração e precarização do trabalho, torna-se indispensável avançar nos estudos sobre o trabalho dos assistentes sociais, refletindo as possibilidades e alternativas para formulação de propostas de ações que visem à defesa dos direitos sociais. O Serviço Social como profissão está inserida na divisão social e técnica do trabalho, e este profissional, como um trabalhador assalariado, sofre as refrações e precarização desse processo. Este estudo parte da hipótese de que o processo da reestruturação produtiva vem atingindo o campo de trabalho do assistente social, tanto na sua mudança ou redefinição, como a seguridade social e especificamente a política de Assistência Social vem sofrendo impacto por esse processo. A pesquisa tem como objetivo central analisar as condições e relações de trabalho no cotidiano profissional do assistente social, inserido no Sistema Único de Assistência Social (SUAS), no município de Teófilo Otoni- MG no ano 2016. Por meio de uma ampla análise de dados e informações coletadas em pesquisa bibliográfica, documental e entrevistas com as/os assistentes sociais inseridos nessa política no referido município, procurou-se analisar especificamente como as condições de trabalho contemporâneas tem incidido no projeto profissional do assistente social e na sua prática profissional, identificando as tensões entre projeto profissional e alienação do trabalho assalariado. O fio condutor de toda nossa pesquisa voltou-se para dois elementos: o primeiro onde buscamos caracterizar as condições objetivas (documentos contratuais, salários, ambiente de trabalho, tempo de trabalho dentre outras), do assistente social inserido na política de Assistência Social no município de Teófilo Otoni, como trabalhador assalariado, analisando os reflexos dessas condicionalidades no cotidiano de trabalho. O segundo elemento, intrinsecamente articulado ao primeiro, buscamos analisar as condições subjetivas do trabalho da/o assistente social (enquanto ser social que é dotado de humanidade refletida em emoções, identidade, aspectos psicológicos), a partir da visão desses sujeitos a respeito de suas condições de trabalho. Evidencia-se que analisar as condições de trabalho do assistente social é entender, que este trabalha cotidianamente com as expressões da questão social oriunda da sociedade capitalista que desumaniza o próprio homem pelas condições de barbárie social que lhe impinge. Assim, este profissional não só trabalha com as expressões da questão social, como também, as sofre enquanto segmento da classe trabalhadora. Dessa forma, conclui-se que os profissionais assistentes sociais sofrem os rebatimentos da precarização do trabalho, sendo superexplorados e tendo sua vida afetada por tais condições.
In the current capital crisis, which expresses the deepening of the dismantling of social policies and intensification, overexploitation and precariousness of work, it is indispensable to advance in the studies on the work of social workers, reflecting the possibilities and alternatives for formulating proposals for actions that To defend social rights. The Social Service as a profession is inserted in the social and technical division of labor, and this professional, as a salaried worker, suffers the refractions and precarization of this process. This study is based on the hypothesis that the process of productive restructuring is reaching the social worker's field of work, both in its change or redefinition, as social security and specifically Social Assistance policy has been impacted by this process. The main objective of the research is to analyze the working conditions and relations in the daily social work of the social worker, inserted in the Unified Social Assistance System (SUAS), in the municipality of Teófilo Otoni MG in the year 2016. Through extensive data analysis And information collected in bibliographical research, documentaries and interviews with the social workers included in this policy in the mentioned municipality, it was sought to analyze specifically how the contemporary working conditions have focused on the professional project of the social worker and his professional practice, identifying the Tensions between professional design and the alienation of salaried work. The main aim of this research is to characterize the objective conditions (contractual documents, salaries, work environment, working time, among others), the social worker inserted in the Social Assistance policy in the Municipality of Teófilo Otoni, as a salaried worker, analyzing the reflexes of these conditionalities in daily work. The second element, intrinsically articulated to the first, seeks to analyze the subjective conditions of the social worker's work (as a social being that is endowed with humanity reflected in emotions, identity, psychological aspects and others), from the view of these subjects regarding Of their working conditions. It is evident that analyzing the working conditions of the social worker is to understand that he works daily with the expressions of the social question arising from capitalist society that dehumanizes man himself, by the conditions of social barbarity that impinges upon him. Thus, this professional not only works with the expressions of the social question, but also suffers them as a segment of the working class. In this way, it can be concluded that the social assistants suffer the refusals of the precariousness of work, being overexploited and having their life affected by such conditions.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8746
Aparece nas coleções:PPGPS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11045_Amanda Silva de Jesus.pdf3.78 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.