Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8930
Título: CONTRIBUIÇÕES de Foucault a Temática da Gestão e Subjetividades: uma Análise Sobre Poder.
Autor(es): SOUZA, E. M.
Orientador: BIANCO, M. F.
Data do documento: 20-Dez-2004
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SOUZA, E. M., CONTRIBUIÇÕES de Foucault a Temática da Gestão e Subjetividades: uma Análise Sobre Poder.
Resumo: Observa-se que a Critical Management Studies (CMS) ou teoria crítica em administração tem sido utilizada por muitos pesquisadores organizacionais. Dentro da teoria crítica temos correntes marxistas, neo-marxistas e foucaultianas. A análise foucaultiana aparece neste contexto como uma alternativa para os estudos que envolvem a temática poder. Assim, trata-se de analisar, por meio de um estudo bibliográfico, o que é poder na obra de Michel Foucault e trazer as contribuições do seu pensamento para contrapô-las a literatura predominante na área de organizações, principalmente com as obras de Mintzberg, Crozier, Crozier e Friedberg que estudaram o poder dentro das organizações. Para Foucault o poder é microfísico, não está fixo em nenhum ponto de toda estrutura social, pois se constitui por meio de práticas sociais. Não existe para o filósofo nenhuma origem, fonte ou essência do poder, pois o poder é algo que não pode ser possuído, constituindo-se como sendo uma relação, podendo apenas ser exercido por meio de relações sociais. Desta forma, quando Foucault utiliza a palavra poder, esta deve ser entendida como relações de poder. Foucault não tenta construir uma teoria sobre o poder e a sua obra tem como principal intuito analisar os processos de subjetivação que constituem a subjetividade humana. Para Mintzberg, Crozier, Crozier e Friedberg o poder possuí uma fonte e origem, sendo que os mesmos intentam construir uma teoria sobre o poder por meio de uma análise das organizações e as suas estruturas. O pensamento de Foucault abre novas perspectivas para diversos campos dos estudos organizacionais, não se restringindo apenas aos estudos sobre poder, ampliando e auxiliando a forma de analisar-se a gestão organizacional como um todo.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8930
Aparece nas coleções:PPGADM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_223_Eloísio Moulin.pdf643.43 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.