Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8932
Título: A caminho da institucionalização do modelo Iso 9000 no setor da construção civil do Espírito Santo.
Autor(es): Romano, Bruno Dessaune
Orientador: Junquilho, Gelson Silva
Data do documento: 30-Abr-2004
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O assunto da dissertação é o setor da construção civil no Espírito Santo, com um enfoque principalmente nas certificações ISO 9000 e PBQP-H. Objetiva-se investigar a ocorrência de um processo de institucionalização do modelo ISO 9000 neste setor. Para tal, utilizou-se um conjunto de teorias, envolvendo o Velho Institucionalismo, o Neo-institucionalismo e alguns elementos da Teoria da Dependência de Recursos. A pesquisa qualitativa está apresentada basicamente em quatro partes. Inicialmente é apresentado um pouco da atuação do sindicato patronal dos construtores, enfatizando suas relações políticas. Na segunda parte explica-se resumidamente sobre o que é a ISO 9000 e como ocorreu o inicio da certificação das construtoras. Como um reflexo da certificação ISO 9000, e em decorrência de acordos entre sindicato patronal e governo, surge o Programa Brasileiro de Produtividade no Habitat, o PBQP-H. Trata-se de um programa que incentiva a certificação das construtoras. Supõe-se que, em torno destas certificações na construção civil, pairam alguns interesses não declarados explicitamente. Por isso, na terceira parte, demonstra-se a atuação dos principais agentes sociais, em torno destas certificações. Por fim, são apresentadas as principais práticas organizacionais, adotadas e alguns de seus reflexos nas pessoas. Os resultados apontam que existe uma tendência de institucionalização do modelo ISO 9000 no setor analisado.
The subject of this thesis is the civil construction sector in the state of Espírito Santo, Brazil, with the primary focus on the ISO 9000 and PBQP-H certifications. The objective is to investigate the occurrence of an institutionalization process of the ISO 9000 model in this sector. In order to perform this investigation, a set of theories were used involving the “Old” Institutionalism, the New Institutionalism and some elements of the Resources Dependence Theory. The qualitative research has been presented basically in four parts. At first, this paper shows some of the actions of the construction companies’ unions, emphasizing their political relationships. In the second part, there is a summarized explanation about what is the ISO 9000 and how the certification of construction companies started. As a result of the ISO 9000 certification and due to agreements between the employers unions and the government, the Brazilian Productivity Program came up at Habitat, the PBQP-H. This is a program that encourages the certification of construction companies. There can be assumed that around those certifications within the civil construction, there are some interests not declared explicitly. For that reason, in the third part of this paper one will be able to perceive the actions of the main social agents around such certifications. Finally, the paper presents the predominant organizational practices adopted as well as some of their consequences on the people’s perception. The results show that there is an institutionalization tendency in the ISO 9000 model, within the studied sector.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8932
Aparece nas coleções:PPGADM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_491_Bruno Dessaune.pdf1.2 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.