Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8999
Título: Existências relâmpagos: medicalização em tempo integral
Autor(es): ABREU, L. D.
Orientador: LOUZADA, A. P. F.
Data do documento: 22-Jul-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: ABREU, L. D., Existências relâmpagos: medicalização em tempo integral
Resumo: Este trabalho versa sobre práticas de medicalização das crianças no espaço escolar. Propomos um modo de pesquisa que visa a escuta e a sensibilidade por meio da utilização de diários de campo e da montagem de narrativas com meninos e meninas, de forma a evidenciar nossas experiências de campo que compõem acontecimentos acerca da temática, dando visibilidade as práticas de patologização e medicamentalização dos comportamentos infantis. Para tal, algumas práticas no campo escolar foram realçadas, mais especificamente da Educação em Tempo Integral, suas nuances e sua relação com a normalização das crianças. Aproximamo-nos da constituição histórica da expansão do saber-poder médico e, consequentemente, da captura do campo da infância. Pelas histórias vividas, fomos conduzidos aos processos de medicamentalização como forma de apaziguamento das diferenças. Com a cultura do consumo e suas novas tecnologias, o uso de medicamentos se tornou popular e comum, amparado no fortalecimento e na expansão da indústria farmacêutica, um dos ramos mais rentáveis e em expansão no mundo. No campo da educação seria impossível passar ileso ao Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e sua respectiva medicação, a Ritalina, esta dupla nos impulsionaram no pensamento da construção de uma doença e na popularização de um diagnóstico, com intuito de propagação midiática de um medicamento.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/8999
Aparece nas coleções:PPGPSI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10305_LORENA ABREU (1).pdf1.12 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.