Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9111
Título: A noção de Deus e sua relação com a justiça : um estudo com crianças e adolescentes
Autor(es): Ricardo, Lorena Santos
Orientador: Ortega, Antonio Carlos
Coorientador: Alencar, Heloisa Moulin de
Data do documento: 30-Ago-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Objetivou-se analisar as noções de Justiça (NJ) e de Deus (ND) - e a possível relação entre elas - de crianças e adolescentes, do ponto de vista moral, sob uma perspectiva psicogenética piagetiana, com dados coletados em uma entrevista baseada no método clínico. Participaram 60 crianças e adolescentes, estudantes de colégios católicos, sendo: 20 crianças com seis anos, 20 crianças com 11 anos e 20 adolescentes com 16 anos. Foram criados critérios de análise qualitativos fundamentados na teoria piagetiana e, com eles, critérios quantitativos para análise dos dados. Os resultados indicaram que a NJ e a ND tendem a se refinar durante o processo de desenvolvimento, apontando, assim, para uma característica psicogenética. Constatou-se, também, que a maioria dos participantes (37) apresentou a NJ e a ND no mesmo nível, o que denota certo paralelismo no desenvolvimento dessas noções. No entanto, em vinte e três participantes houve disparidade entre o Nível Geral da Noção de Justiça (NGNJ) e o Nível Geral da Noção de Deus (NGND). Quando verificada essa disparidade entre os mais novos, o NGNJ foi mais elevado do que o NGND e, entre os mais velhos, o NGND superior ao NGNJ o que parece relacionar-se à forma como os sujeitos entram em contato com a Justiça e com Deus, ao longo do processo de desenvolvimento, ou seja, como ocorre a interação com cada um desses objetos do conhecimento social. Este trabalho contribui, portanto, com as discussões acerca da Justiça e de Deus no campo da moralidade e pode oferecer aporte tanto para as propostas de um ensino religioso que visa a Religião como fato social, como as propostas das escolas confessionais que acolhem e trabalham as crenças de seus alunos juntamente com eles. Também fornece subsídios para a elaboração de projetos em educação em valores morais, o que pode favorecer o desenvolvimento de sujeitos autônomos, capazes de estabelecer juízos morais baseados na justiça em complexas e ambíguas situações morais. Assim, ao reconhecer a relevância de se estudar a NJ e a ND, entendendo que estas servem para auxiliar o sujeito no conhecimento do seu meio social, espera-se que este trabalho contribua para o desenvolvimento de novas pesquisas acerca dessas noções.
It was aimed to analyze the notions of Justice (NJ) and of God (NG) – and the possible relation between them – of children and adolescents, from the moral point of view, under a Piagetian psychogenetic perspective. For this, an interview was used based on the clinical method, in which 60 children and adolescents, students of Catholic schools, being: 20 children aged 6 years, 20 children aged 11 years and 20 adolescents aged 16 years took part. Qualitative analysis criteria were created based on Piagetian theory and, from them, quantitative criteria for data analysis. The results indicated that NJ and NG tended to be refined during the development process, thus pointing to a psychogenetic characteristic. It was also observed that the majority of the participants (37) presented NJ and NG at the same level, which indicates a certain parallelism in the development of these notions. However, in twenty-three participants there was a disparity between the General Level of the Notion of Justice (GLNJ) and the General Level of the Notion of God (GLNG). When this disparity was found among the youngest, the GLNJ was higher than the GLNG and, among the older, GLNG was higher than the GLNJ - which seems to be related to the way the subjects come into contact with Justice and God, throughout the development process, that is, how the interaction with each of these social knowledge objects occurs. This work contributes, therefore, to the discussions about Justice and God in the field of morality and may offer contribution to both: the proposals of a religious teaching that sees religion as a social fact, as the proposals of the confessional schools that welcome and work the beliefs of their students along with them. It also provides subsidies in the elaboration of projects in education in moral values, thus favoring the development of autonomous subjects capable of establishing moral judgments based on justice in complex and ambiguous moral situations. Thereby, recognizing the relevance of studying NJ and NG, understanding that these serve to assist the subject in the knowledge of their social environment, it is expected that this work will contribute to the development of new research on these notions.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9111
Aparece nas coleções:PPGP - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_8189_Tese - Lorena Santos Ricardo.pdf2.76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.