Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9111
Título: A noção de Deus e sua relação com a justiça: um estudo com crianças e adolescentes
Autor(es): RICARDO, L. S.
Orientador: Antonio Carlos Ortega
Palavras-chave: Juízo Moral
Noção de Justiça
Noção de Deus
Data do documento: 30-Ago-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: RICARDO, L. S., A noção de Deus e sua relação com a justiça: um estudo com crianças e adolescentes
Resumo: Objetivou-se analisar as noções de Justiça (NJ) e de Deus (ND) - e a possível relação entre elas - de crianças e adolescentes, do ponto de vista moral, sob uma perspectiva psicogenética piagetiana, com dados coletados em uma entrevista baseada no método clínico. Participaram 60 crianças e adolescentes, estudantes de colégios católicos, sendo: 20 crianças com seis anos, 20 crianças com 11 anos e 20 adolescentes com 16 anos. Foram criados critérios de análise qualitativos fundamentados na teoria piagetiana e, com eles, critérios quantitativos para análise dos dados. Os resultados indicaram que a NJ e a ND tendem a se refinar durante o processo de desenvolvimento, apontando, assim, para uma característica psicogenética. Constatou-se, também, que a maioria dos participantes (37) apresentou a NJ e a ND no mesmo nível, o que denota certo paralelismo no desenvolvimento dessas noções. No entanto, em vinte e três participantes houve disparidade entre o Nível Geral da Noção de Justiça (NGNJ) e o Nível Geral da Noção de Deus (NGND). Quando verificada essa disparidade entre os mais novos, o NGNJ foi mais elevado do que o NGND e, entre os mais velhos, o NGND superior ao NGNJ o que parece relacionar-se à forma como os sujeitos entram em contato com a Justiça e com Deus, ao longo do processo de desenvolvimento, ou seja, como ocorre a interação com cada um desses objetos do conhecimento social. Este trabalho contribui, portanto, com as discussões acerca da Justiça e de Deus no campo da moralidade e pode oferecer aporte tanto para as propostas de um ensino religioso que visa a Religião como fato social, como as propostas das escolas confessionais que acolhem e trabalham as crenças de seus alunos juntamente com eles. Também fornece subsídios para a elaboração de projetos em educação em valores morais, o que pode favorecer o desenvolvimento de sujeitos autônomos, capazes de estabelecer juízos morais baseados na justiça em complexas e ambíguas situações morais. Assim, ao reconhecer a relevância de se estudar a NJ e a ND, entendendo que estas servem para auxiliar o sujeito no conhecimento do seu meio social, espera-se que este trabalho contribua para o desenvolvimento de novas pesquisas acerca dessas noções.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9111
Aparece nas coleções:PPGP - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_8189_Tese - Lorena Santos Ricardo.pdf2.76 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.