Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9117
Título: Perfil nutricional e análise comparativa dos recursos alimentares da tartaruga verde, Chelonia mydas, e a influência da urbanização em sua dieta
Autor(es): Bastos, Kathiani Victor
Orientador: Joyeux, Jean Christophe
Coorientador: Machado, Levi Pompermayer
Data do documento: 9-Fev-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Este trabalho objetivou determinar o valor nutricional dos principais vegetais marinhos consumidos pela tartaruga verde (Chelonia mydas) na zona costeira a fim de avaliar a influência da urbanização sobre a composição química e valor nutricional da dieta e a saúde desses megaherbívoros marinhos. Foram selecionados três gêneros de algas (Hypnea, Ulva e Caulerpa) e uma angiosperma marinha (Halodule wrightii) que correspondem, em conjunto, à 85% da dieta da tartaruga verde. Estes foram coletados em duas áreas de alimentação com diferentes graus de urbanização no Espírito Santo: Vitória (altamente urbanizada) e Fundão (pouco urbanizada), em duas estações do ano (verão e inverno). O valor nutricional foi determinado por meio da quantificação de clorofila a, carotenóides, ficobiliproteínas, açúcares totais, proteínas totais e lipídeos totais. As algas coletadas em Vitória apresentaram concentrações superiores às coletadas em Fundão para a maior parte dos parâmetros avaliados. O teor de carboidratos totais e lipídeos totais se mostraram mais elevados em ambas as estações estudadas. Halodule exibiu maiores concentrações de carboidratos com uma média de 1,002 mg/g e os lipídeos tiveram uma média geral de 7,35 mg/g no verão e 7,50 mg/g no inverno. Já as proteínas tiveram uma média de aumento de 2,32%. Como consequência, os valores calóricos também se apresentaram maiores nessa região com os maiores valores registrados para Ulva que apresentou 7,49 kcal no inverno e 6,24 kcal no verão. Esses resultados estão associados com a resposta desses organismos ao estresse fisiológico que promove a produção de metabólitos primários, reduzindo por consequência, a diversidade química e alterando ainda mais o balanço nutricional das tartarugas. Os dados obtidos demonstram uma alteração na composição química e diversidade desses vegetais marinhos em diferentes graus de urbanização que associados a elevada frequência e severidade de indivíduos com fibropapilomatose em Vitória evidenciam sua influência direta na saúde destes indivíduos.
This work aimed to determine the nutritional value of the main marine vegetables consumed by the green turtle (Chelonia mydas) in the coastal zone in order to evaluate the influence of urbanization on the chemical composition and nutritional value of the diet and the health of these marine megaherbivores. Three genera of algae (Hypnea, Ulva and Caulerpa) and a marine angiosperm (Halodule wrightii) were selected which together correspond to 85% of the green turtle diet. These were collected in two feeding areas with different degrees of urbanization in Espírito Santo: Vitória (highly urbanized) and Fundão (not urbanized). The nutritional value was determined through the quantification of chlorophyll a, carotenoids, phycobiliproteins, total sugars, total proteins and total lipids. The algae collected in Vitória presented concentrations higher than those collected in Fundão for most of the evaluated parameters. Total carbohydrates and total lipids levels were higher in both stations studied. Halodule exhibited higher carbohydrate concentrations with an average of 1.002 mg/g and lipids had an general average of 7.35 mg/g in summer and 7.50 mg/g in winter. The proteins had an average increase of 2.32%. As a consequence, caloric values were also higher in this region with the highest values recorded for Ulva, which presented 7.49 kcal in winter and 6.24 kcal in summer. These results are associated with the response of these organisms to the physiological stress that promotes the production of primary metabolites, consequently reducing chemical diversity and further altering the nutritional balance of turtles. The data obtained demonstrate a change in the chemical composition and diversity of these marine plants in different degrees of urbanization that associated to the high frequency and severity of individuals with fibropapillomatosis in Vitória evidences their direct influence on the health of these individuals.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9117
Aparece nas coleções:PPGOAM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10140_Dissertação Kathiani Victor Bastos - FINAL.pdf906.17 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.