Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9119
Título: Aspectos etnobiológicos e etnoecológicos na pesca artesanal em três municípios do litoral sul do Espírito Santo
Autor(es): Oliveira, Ana Carolina Machado de
Orientador: Braga, Adriane Araújo
Coorientador: Zappes, Camilah Antunes
Data do documento: 16-Mar-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esse estudo tem por objetivo relacionar o conhecimento tradicional dos pescadores com a literatura científica, a respeito dos aspectos etnobiológicos e etnoecológicos dos crustáceos decápodes capturados na pesca artesanal de arrasto no litoral sul do Espírito Santo. A pesquisa foi realizada nos municípios de Anchieta, Piúma e Marataízes, litoral sul capixaba, e as coletas de dados ocorreram entre os meses de setembro de 2016 e fevereiro de 2017. O método etnográfico foi utilizado e consistiu de: 1) método de observação participante; 2) entrevistas e questionários semiestruturados; 3) método bola de neve; 4) método de triangulação dos resultados. Um total de 92 pescadores artesanais foi entrevistado, sendo todos do sexo masculino com idade entre 18 e 71 anos. Em Anchieta as espécies-alvos da pesca são os camarões sete-barbas, rosa e branco, e em Piúma e Marataízes o sete-barbas. A carcinofauna, capturada nos três municípios, é composta principalmente por siris e caranguejos. Os pescadores demonstraram conhecimento sobre a biologia das espécies de crustáceos capturadas, diferenciando os estágios juvenil dos adultos, bem como a ocorrência de dimorfismo sexual nesses animais, pois reconhecem nos camarões macho o órgão copulatório (petasma) e nas fêmeas a presença de uma coloração esverdeada na região dorsal caracterizada pelo desenvolvimento do ovário. Já nos caranguejos e siris, os entrevistados relataram que o formato do abdome é diferente entre os sexos. Também foi descrito a preferência de habitat das espécies de decápodes. Os pescadores consideraram os crustáceos importantes para o meio ambiente, pois: 1) desempenham papéis na dinâmica da comunidade marinha, na cadeia alimentar e nos processos de ciclagem da matéria orgânica e fluxo de energia; 2) são importantes para o consumo; e 3) são utilizados para comercialização e engodo. Quando questionados sobre o defeso, os pescadores o consideram importante, porém incorreto para a região, o que indica necessidade de maior diálogo entre órgãos fiscalizadores e comunidades pesqueiras. As informações dessa pesquisa corroboram com a literatura e podem funcionar como ferramenta para a gestão dos recursos pesqueiros, e na diminuição do impacto sobre as populações das espécies alvo e fauna acompanhante, visando à sustentabilidade da pesca e valorização das comunidades litorâneas do sul capixaba.
This study aims to relate the traditional knowledge of fishermen to the scientific literature, as regards ethnobiological and ethnoecological aspects of decapod crustaceans caught in artisanal fishing on the Southern coast of Espírito Santo. The research was done in Anchieta, Piúma and Marataízes cities, South coast of Espírito Santo, and data collection occurred between September 2016 and February 2017. The ethnografic method used consisted of: 1) participant observation method; 2) semi-structured interviews and questionnaires; 3) snowball method; 4) method of triangulation of results. A total of 92 artisanal fishermen were interviewed, all aged between 18 and 71 years. In Anchieta city the target species of the fishing are the sea-bob shrimp, pink shrimp and white shrimp, and in Piúma and Marataízes only the sea-bob shrimp. The carcinofauna, captured in the three municipalities, is composed mainly of crabs and swimming crabs. The fishermen demonstrated knowledge about the biology of the species of crustaceans captured, differentiating the juvenile stages of the adults, as well as an occurrence of sexual dimorphism, once they recognize the copulatory organ of male shrimps (petasma) and in the females the presence of a greenish color in the dorsal region characterized by ovary development. In crabs and swimming crabs, the respondents reported that the shape of the abdomen is different between the sexes. The habitat of decapod species has also been described. Fishermen considered crustaceans to be important for the environment because: 1) they play roles in the dynamics of the marine community, in the food chain and in the processes of organic matter cycling and energy flow; 2) are important for consumption; and 3) are used for bait and comercialization. When questioned about the fisheries closure season, fishermen consider important but incorrect for the region, which indicates the need of greater dialogue between enforcement agencies and fishing communities. The information of this research corroborates with the literatura and can function as a tool for the management of fishery resources, and on the decrease of the impact on the populations of the target species and fauna by-catch, aiming at the sustainability of fishing and the valuing of coastal communities of Southern Southern coast of Espírito Santo.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9119
Aparece nas coleções:PPGOAM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10147_DISSERTAÇÃO ANA CAROLINA MACHADO DE OLIVEIRA.pdf1.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.