Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9175
Título: Enquanto esperamos Godot, o que Beckett tem a nos dizer sobre o sujeito pós-moderno?
Autor(es): TRONQUOY, D. V. G. A.
Orientador: Coser, S.
Palavras-chave: Pós-moderno
Exílio
Trágico
Amor
Erotismo
Loucura
Data do documento: 20-Dez-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: TRONQUOY, D. V. G. A., Enquanto esperamos Godot, o que Beckett tem a nos dizer sobre o sujeito pós-moderno?
Resumo: Esta tese pretende refletir sobre a condição humana na atualidade, a condição do sujeito pós-moderno como aquele suposto ser efeito de uma mutação do discurso que o engendra. E isso numa articulação entre o texto literário de Beckett e conceitos da psicanálise com o objetivo de lançar luz em relação ao que se passa com o sujeito, em nossa contemporaneidade, tanto no âmbito mais geral, no campo da cultura, como no privado de sua experiência. A suposição é a de que alguns sintomas indicam essa mutação: a posição de exílio e de espera em que se encontra o sujeito em questão, a dificuldade para refletir sobre si mesmo em um mundo que tenta expulsar o trágico, seus impasses frente ao necessário da construção de sua posição sexual e de uma ficção que sustente sua vida amorosa lhe permitindo fazer face à angústia e à possibilidade da loucura inerentes à condição humana. Sem recursos, o homem pós-moderno tem sucumbido diante do vazio da existência. A hipótese é que Beckett, como artista contemporâneo, possa instruir sobre esta posição que fala de uma nova economia psíquica. Outra suposição é a de que esse autor, ainda que com uma estética/poética difícil de situar, antecipa o comparecimento desse sujeito com seus personagens e o modo como comparecem em suas páginas e palco. Além disso, trouxe para este trabalho uma tentativa de refletir sobre a criação artística a partir da psicanálise, no intuito de trazer uma contribuição para uma perspectiva psicanalítica de abordar a obra de arte, mais especificamente a obra de Beckett, esse artista criador de vazios.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9175
Aparece nas coleções:PPGL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10502_TESE 1 CAPA DURA 9_02_17.pdf3.61 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.