Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9228
Título: Poesia Que Marcha: Reflexões Sobre a Musicalidade e Engajamento em um Poema de Cecília Meireles
Autor(es): ARAUJO, L. S.
Orientador: VERMES, V. M.
Data do documento: 5-Jun-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: ARAUJO, L. S., Poesia Que Marcha: Reflexões Sobre a Musicalidade e Engajamento em um Poema de Cecília Meireles
Resumo: Esta dissertação propõe uma análise do poema Marcha, a partir de considerações acerca da musicalidade na poesia de Cecília Meireles (1901 -1964), com a associação entre dois sistemas de significação: a poesia e a música. Nesse sentido, a análise de Marcha selecionado da obra Viagem (1939) contribui para evidenciar essa ponte. Também se pretende investigar as estruturas que compõem a poesia, encontrando nelas outros sentidos para os poemas, para além do que a tradicional crítica propõe: distanciamo-nos, aqui, de uma visão etérea, mística e sem relação com a realidade. Elementos como melodia, ritmo, anáfora, assonância e aliteração, entre outros componentes poéticos que trazem musicalidade ao poema, estão em relação direta com o caráter militante de sua obra.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9228
Aparece nas coleções:PPGL - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_12156_Lorena Santos de Araújo. PPGL.pdf689.5 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.