Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9238
Título: O epidítico como recurso para a representação dos contemporâneos na epistolografia de Plínio, o Jovem
Autor(es): Giesen, Kátia Regina
Orientador: Leite, Leni Ribeiro
Data do documento: 22-Mar-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Gênero de caráter originalmente comunicacional, cotidiano e privado, as cartas foram utilizadas por Plínio, o Jovem, que organizou textos enviados por ele a amigos e os publicou em formato de coleção, como objeto de apreciação literária ao mesmo tempo em que instrumento para a formulação de imagens de si e da vida pública e privada durante o final do século I e início do II d.C.. Entre as mais de duzentas epístolas que compõem os livros I a IX da correspondência desse autor, há um grande número de textos cujo objetivo principal é retratar, elogiosamente, homens e mulheres de sua época. Nesses casos, o autor emprega recursos próprios do epidítico oratório para formular as imagens desses contemporâneos. Destacam-se, nesse contexto, as missivas em que o louvor é destinado a coetâneos de Plínio ainda vivos, uma vez que esse tipo de atitude não era, de acordo com Cícero (De or. II, 341342), apreciada em contexto romano. Analisando o gênero epistolar a partir de uma perspectiva literária, procuramos demonstrar como e com quais funções Plínio utiliza o discurso de tipo epidítico no texto de treze cartas em que há louvores a homens vivos e ainda atuantes na sociedade da época. Para tal investigação, nos apropriamos de referenciais da Análise do Discurso apresentados por Maingueneau; do conceito de representação definido por Roger Chartier; além das próprias concepções antigas sobre epistolografia e gênero epidítico. Com isso, verificamos que os louvores efetuados nas cartas laudatórias de Plínio apresentam imagens de indivíduos exemplares tanto em razão de suas virtudes morais quanto pelo envolvimento com a cultura letrada de sua época, seja pela atuação na prática filosófica, oratória ou poética. Essas imagens textuais são marcadas especialmente pelo otimismo de Plínio em relação à contemporaneidade, que leva a considerar seu papel como apoiador do governo de Trajano.
Originally a communicational, ordinary and private genre, epistolography became an object of literary appreciation in the hands of Pliny the Younger, who, by organizing texts written by him to friends and publishing them in a collection, used his letters as a tool to create pictures of himself and of public and private life during the late first century and early II AD. Among the more than two hundred letters that comprise books I to IX of Pliny‟s correspondence, there are several texts whose main subject is portraying men and women of his times. In such cases, the author employs expedients of epideictic oratory to elaborate images of his contemporaries. In this context, the letters in which praise is addressed to still living contemporaries of Pliny stand out, since that kind of attitude was not, according to Cicero (De or. II, 341-342), seen under positive light in Roman context. Analyzing the epistolary genre from a literary perspective, we aim at demonstrating how and with what functions Pliny used epideictic speech instruments in the text of the thirteen letters in which there are praises to men who are alive and still active in the society of the time. To do so, we used elements from Discourse Analysis as presented by Maingueneau; the concept of representation set by Roger Chartier; and ancient theorization about epistolography and epideictic genre. As results, we propose that the praise offered in Pliny‟s laudatory letters feature images of exemplary individuals, both because of their moral virtues and due to their involvement with the literary culture of their time, whether by acting on philosophical, oratorical or poetic practice. These textual images set the tone of Pliny‟s optimism in relation to his contemporary times, which plays an important part in his role as a supporter of Trajan's government.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9238
Aparece nas coleções:PPGL - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_9720_GIESEN, Kátia Regina. Dissertação de mestrado - Versão Final.pdf1.66 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.