Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9260
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorFAGUNDES, P. E.
dc.date.accessioned2018-08-01T23:44:39Z-
dc.date.available2018-08-01
dc.date.available2018-08-01T23:44:39Z-
dc.identifier.citationPELEGRINE, A. R. O., Modernização e Repressão: os Impactos da Ditadura Militar na Universidade Federal do Espírito Santo (1969-1974)por
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/9260-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.titleModernização e Repressão: os Impactos da Ditadura Militar na Universidade Federal do Espírito Santo (1969-1974)por
dc.typemasterThesisen
dc.contributor.memberM., A.
dc.contributor.memberFRANCO, S. P.
dc.contributor.memberOLIVEIRA, U. J.
dc.contributor.memberMOTTA, R. P. S.
dcterms.abstractNo cenário da recente ampliação dos meios para a investigação histórica sobre o passado político recente do Brasil, esta pesquisa pretende contribuir para o esclarecimento dos impactos da política de modernização conservadora e autoritária, implantada pela ditadura militar (1964-1985) nas universidades públicas do país. O recorte da análise privilegia o período da presidência de Emílio Garrastazu Médici (1969-1974), quando o paradoxo dos matizes modernizantes e repressivos da política ficou ainda mais evidente. Na esteira do projeto de desenvolvimento rápido e seguro do capitalismo nacional, o governo de Médici materializou a Reforma Universitária, cumprindo o objetivo de sintonizar as universidades com as demandas do almejado milagre brasileiro. Ao mesmo tempo, ancorada na cultura política autoritária e no seio de uma guerra anticomunista imaginada, sua gestão reforçou a repressão política como forma de viabilizar a modernização, expandindo o alcance da comunidade de segurança e informações da ditadura militar para o interior das universidades. Nesta pesquisa, objetiva-se compreender como modernização e repressão caminharam juntas e ressoaram especificamente na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), a partir de uma análise crítica da história oficial da instituição e do acervo documental produzido pelos trabalhos da Comissão da Verdade UFES.por
dcterms.creatorPELEGRINE, A. R. O.
dcterms.formatapplication/pdfpor
dcterms.issued2016-07-08
dcterms.subjectDitadura Militarpor
dcterms.subjectUniversidade Públicapor
dcterms.subjectRepressão Políticapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Históriapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.publisher.courseMestrado em Históriapor
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_7891_Dissertação Ayala Pelegrine.pdf1.23 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.