Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9270
Título: A administração espanhola no Espírito Santo durante a monarquia dual (1580-1640)
Autor(es): FERNANDES, A. K. S.
Orientador: RIBEIRO, L. C. M.
Palavras-chave: Espírito Santo
Elite
Alfândega
Fiscalidade
Data do documento: 4-Out-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: FERNANDES, A. K. S., A administração espanhola no Espírito Santo durante a monarquia dual (1580-1640)
Resumo: Essa é uma pesquisa inicial sobre o exercício de cargos e formas de enriquecimento das elites do Espírito Santo. O recorte temporal corresponde às primeiras décadas do século XVII, período em que se insere o principal documento histórico analisado: uma carta do rei Felipe II ao capitão-mor da capitania do Espírito Santo, de 13 de agosto de 1617, ordenando uma devassa na alfândega, e o auto de testemunhas convocadas para prestar depoimento. Nossa análise buscará identificar o grupo de indivíduos mais abastados da capitania, a origem social dos indivíduos que compõem essa elite e as atividades econômicas por eles praticadas. Ainda, nos dedicamos ao estudo da fiscalidade no período filipino, atentando para as atividades da Alfândega do Espírito Santo, instituição responsável pela arrecadação fiscal, pelo controle do tráfego de mercadorias e pela fiscalização das rendas da Coroa, mas também palco de atividades ilícitas, sobretudo pelos envolvidos com as atividades alfandegárias.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9270
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_8680_FERNANDES%2c A. K. S. Dissertação %5bversão final - 08.01.2018%5d20180110-174801.pdf1.1 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.