Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9288
Título: Movimentos migratórios e a questão habitacional na produção do espaço urbano em Serra (ES) no período entre 1960 e 2000
Autor(es): AROEIRA, D. P.
Orientador: DADALTO, M. C.
Palavras-chave: Cidade
Espaço
Urbanização
Migração
Questão social
Moradia
Data do documento: 28-Jun-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: AROEIRA, D. P., Movimentos migratórios e a questão habitacional na produção do espaço urbano em Serra (ES) no período entre 1960 e 2000
Resumo: Constitui a indagação principal deste trabalho investigar em que medida os fenômenos migratórios presentes entre as décadas de 1960 e 2000 contribuíram para a produção do espaço e para o agravamento das desigualdades sociais manifestas na carência por moradia em Serra. O objetivo é identificar a relação entre fluxos migratórios, a produção do espaço e a reprodução social das relações capitalistas no agravamento da desigualdade social. Contextualiza a discussão da produção do espaço na cidade capitalista contemporânea, os fenômenos urbano e migratório e as interconexões com a manifestação da questão social, categorias construídas e produzidas socialmente, compondo a tessitura do espaço urbano. A carência por moradia se constitui em eixo transversal à análise, concebida como uma das expressões da questão social inerente ao desenvolvimento do capitalismo, arrefecida com os fenômenos urbano e migratório. Refere-se ao estudo sócio-histórico de cunho analítico, elaborado a partir de abordagens qualitativa e quantitativa e de estudo bibliográfico e documental em agrupamento de fontes demográficas primárias e secundárias.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9288
Aparece nas coleções:PPGHIS - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_9703_DISSERTAÇÃO SUCE_DPA.pdf4.52 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.