Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9461
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorTeixeira, Jamilla Emi Sudo Lutif-
dc.date.accessioned2018-08-01T23:58:44Z-
dc.date.available2018-08-01-
dc.date.available2018-08-01T23:58:44Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/9461-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.subjectTrincamento por fadigapor
dc.subjectMatriz de agregados finos (MAF)por
dc.titleEfeitos do resíduo de beneficiamento de rochas ornamentais e escória de aciaria como fíleres na rigidez viscoelástica linear e características de fratura da matriz de agregados finospor
dc.typemasterThesiseng
dc.subject.udc624-
dc.subject.br-rjbnRochas ornamentais - Resíduos - Reaproveitamentopor
dc.subject.br-rjbnPavimentos de asfalto - Fadigapor
dc.subject.br-rjbnViscoelasticidadepor
dc.subject.br-rjbnEscória - Resíduos industriaispor
dcterms.abstractOs problemas mais comuns nos pavimentos asfálticos são o trincamento por fadiga e a deformação permanente que podem ocorrer mesmo antes do pavimento atingir sua vida útil de projeto. Esses problemas estão relacionados a fenômenos de menores escalas, como as microtrincas, concentração de tensão na interface entre os agregados e o ligante asfáltico e a dissipação de energia devido ao comportamento viscoelástico do material. O principal objetivo deste estudo foi avaliar a potencialidade do uso do Resíduo do Beneficiamento de Rochas Ornamentais (RBRO) e Escória Moída de Aciaria (EMA) como fíler na porção fina das misturas asfálticas, conhecida como Matriz de agregados finos (MAF). Para atingir este objetivo, cinco diferentes misturas de MAF foram feitas substituindo: 2% como fíler de RBRO, 2% como fíler de EMA, 2% como fíler de RBRO+EMA, 2% como fíler de cal hidratada e a mistura de referência. Os efeitos destes materiais na MAF foram investigados realizando-se ensaios de varredura de frequência para avaliação das características da rigidez viscoelástica linear, ensaio de fratura em amostra de geometria semi-circular e ensaio de varredura de tempo para avaliar as características de fratura. Dessa forma, obteve-se um melhor entendimento da influência do tipo de fíler (RBRO e EMA) nas propriedades viscoelásticas da MAF, através de análises das curvas mestras do módulo complexo e ângulo de fase e das características de dano da MAF, através de análises da energia de fratura e curvas características do dano (C x S). Os resultados mostraram que, no geral, a mistura que apresentou o melhor desempenho, para as características de fratura e da rigidez viscoelástica linear, foi com 2% de RBRO+EMA, apresentando a mesma tendência encontrada em outros trabalhos que também utilizaram os mesmos resíduos. Pode-se concluir que a utilização dos dois resíduos aplicados conjuntamente em concretos asfálticos apresenta-se, a princípio, viável tanto do ponto de vista ambiental quanto tecnológico.por
dcterms.abstractThe most common problems in asphalt pavements are fatigue cracking and rutting that may occur even before the pavement reaches its projected service life. These distresses are related to a small scale phenomenon, such as micro cracks, stress concentration at the interface between aggregates and asphalt binder, and energy dissipation due to binder viscoelastic behavior. The main objective of this study was to evaluate the potential use of Ornamental Rocks Fine By-Products (RBRO) and Steel Slag Residue (EMA) as filler materials on the fine portion of asphalt mixtures, known as Fine Aggregates Matrix (FAM). To achieve this goal, five different types of FAM mixtures were fabricated by replacing: 2% as filler of RBRO, 2% as filler of EMA, 2% as filler of RBRO+EMA, 2% as filler of hydrated lime and the control mixture. The effects of those materials on FAM were investigated by performing Frequency Sweep Tests (FS) to evaluate linear viscoelastic stiffness characteristics, Semi-Circular Bending Tests (SCB) and Time Sweep Tests (TS) to evaluate fracture characteristics. Thus, it was obtained a better understanding of the influence of type of filler (RBRO and EMA) on the FAM viscoelastic properties, by analyses of complex modulus and phase angle master curves and FAM damage characteristics, by analyses of fracture energy and damage characteristics curves (C x S). The results, in general, presented a better performance of FAM RBRO+EMA, for both fracture and linear viscoelastic stiffness characteristics, and this tendency was observed by others authors works using same residues. Therefore, it could be concluded that the application of RBRO+EMA in asphalt concrete presents viable from environmental point of view as well as technological.eng
dcterms.creatorFonseca, Jéssica Freire-
dcterms.formatTexteng
dcterms.issued2016-06-15-
dcterms.languageporpor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Civilpor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqEngenharia Civilpor
dc.publisher.courseMestrado em Engenharia Civilpor
dc.contributor.refereePires, Patrício José Moreira-
dc.contributor.refereeBranco, Verônica Teixeira Franco Castelo-
Aparece nas coleções:PPGEC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10317_Dissertação - Jéssica Freire Fonseca.pdf11.8 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.