Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9464
Título: Contribuição ao estudo do comportamento de concretos produzidos com resíduo do beneficiamento de rochas ornamentais tratado termicamente em relação aos aspectos mecânicos e de durabilidade.
Autor(es): Mittri, Sérgio Hémerson de Moraes
Orientador: Vieira, Geilma Lima
Data do documento: 31-Ago-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: O Brasil é um grande produtor de rochas ornamentais, tendo como principal estado produtor o Espírito Santo. No processo de beneficiamento das rochas cerca de 30% do volume total do bloco se transforma em resíduo. Muitos trabalhos já utilizaram esse resíduo em matrizes cimentícias, aplicando-o como um material capaz de preencher parcialmente os poros da matriz cimentícia (efeito fíler). Porém, esses estudos vêm sendo desenvolvidos há duas décadas e até o presente momento a indústria da construção civil não absorveu o resíduo do beneficiamento de rochas ornamentais (RBRO), que continua a ser um passivo ambiental. Visando melhorar as propriedades desse material, o presente estudo tratou-o termicamente a 1200°C. O resíduo do beneficiamento de rochas ornamentais tratado termicamente (RBROTT) foi submetido a diversos ensaios de caracterização, dentre eles foram realizados ensaios para determinação da atividade pozolânica segundo a NBR 12653 (ABNT, 2015). Foram confeccionados concretos com 0%, 5% e 10% de adição do RBROTT com o objetivo de avaliar a influência dessa adição sobre a resistência mecânica dos concretos e também avaliar a durabilidade dos mesmos, tendo como foco a penetração de íons cloreto. Em relação à atividade pozolânica, os resultados mostraram que o RBROTT atendeu a todos os critérios exigidos por norma, sendo considerado um material pozolânico. Além disso, os concretos produzidos com adição do RBROTT apresentaram aumento significativo na resistência à compressão. Quanto à penetração dos íons cloreto, os concretos com adição mostraram maior resistência ao ingresso desses íons quando comparados aos concretos referência.
Brazil is a significant producer of ornamental stones, having Espírito Santo as the main producing state. In the stone beneficiation process about 30% of the total volume of the block becomes waste. Many studies have used this waste in cementitious matrices, using it as a material capable of partially fill the pores of the cement matrix (filler effect). However, these studies have been conducted for two decades and until now the construction industry did not absorb the ornamental stone waste, which remains an environmental liability. To improve the properties of this material, this study treated it thermally at 1200°C. The ornamental stone west after thermal treatment (OSWTT) was subjected to various characterization tests, including tests to determine the pozzolanic activity according to NBR 12653 (ABNT, 2015). Concrete were made with 0%, 5% and 10% addition of OSWTT with the objective of evaluating the influence of this addition on the mechanical strength of concrete and also to evaluate the durability of them, with a focus on penetration of chloride ions. In relation to the pozzolanicity, the results showed that the OSWTT met all the criteria required by the standard, then it is considered a pozzolanic material. Furthermore, the concretes produced with the addition of OSWTT showed a significant increase in compressive strength. Concerning the penetration of chloride ions, the concrete with OSWTT addition showed greater resistance when compared to the reference concrete.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9464
Aparece nas coleções:PPGEC - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_10395_Dissertação Sérgio Mittri -Com Ficha Catalográfica + Folha de Rosto - 25-10-16.pdf18.73 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.