Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9699
Título: Qualificação de Não Linearidades em Malhas de Controle Pelo Método da Função Descritiva
Autor(es): ARAUJO, A. P.
Orientador: MUNARO, C. J.
Coorientador: Moacir Rosado Filho
Palavras-chave: Estimação da banda morta
Estimação de atrito
Data do documento: 31-Jul-2012
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: ARAUJO, A. P., Qualificação de Não Linearidades em Malhas de Controle Pelo Método da Função Descritiva
Resumo: Esta tese apresenta contribuições ao estudo viabilidade de controle de laminadores de produtos planos, propondo uma estratégia baseada nas técnicas Gain Scheduling clássica. A qualidade da tira laminada está relacionada à minimização da variação da espessura de saída da tira e do coroamento da mesma. É possível atuar em diferentes subsistemas do processo para buscar a qualidade desejada. Além disso, fatores econômicos como produtividade e custo, incluindo o custo de manutenção do sistema, são extremamente importantes na sociedade moderna, impulsionando a demanda por tecnologias avançadas que melhoram esses fatores. O sistema proposto utiliza um controlador não-linear com um integrador no ramo direto entre o controlador e a planta, que simplifica o projeto Gain Scheduling. Um método baseado em reguladores ótimos Quadráticos é utilizado na sintonia dos controladores lineares, e os ganhos do controlador global são obtidos pela interpolação dos ganhos sintonizados. Também foi desenvolvido um mecanismo de suavização de ação de controle que permite obter melhorias no processo. O controlador proposto é testado em diversos subsistemas do processo, quais sejam> subsistema da bobinadeira, da desbobinadeira, do ajuste de gap e do tensionamento da tira. Cada subsistema é capaz de atuar em um determinado parâmetro operacional para recuperar o ponto de operação do sistema frente aos distúrbios de processo. Resultados de simulação são apresentados Resultados de simulações são apresentados, utilizando dados teóricos e dados reais da indústria para mostrar a viabilidade desse controlador. Testes comparativos do controlador Gain Scheduling com um controlador de ganhos fixo mostraram que o primeiro alcança desempenho superior em todos os casos analisados. Além disso, a metodologia desenvolvida serve de base para o desenvolvimento de outras propostas
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9699
Aparece nas coleções:PPGEE - Teses de doutorado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_2832_ALANCARDEK PEREIRA ARAUJO.pdf2.6 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.