Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9732
Título: Influência do efeito da temperatura de preaquecimento, do tipo de corrente e do gás de proteção na soldagem de chapas finas de aço inoxidável duplex uns s31803
Autor(es): Santos, Rodrigo Soares dos
Orientador: Macêdo, Marcelo Camargo Severo de
Coorientador: Luz, Temístocles de Sousa
Data do documento: 29-Set-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: A necessidade de materiais que combinem elevada resistência à corrosão e boas propriedades mecânicas faz com que o aço inoxidável duplex UNS S31803 tenha grande empregabilidade em ambientes de corrosão severa, como por exemplo, indústria petroquímica, celulósica, termoelétricas, naval entre outros. Sua soldagem necessária a montagem e reparo de equipamentos, ainda é dotada de algumas dificuldades tecnológicas, como a precipitação de fases deletérias. Isso se torna mais complexo quando se trabalha com chapas finas, onde é difícil o controle do fluxo de calor, bem como o balanço microestrutural (ү/α) e a incidência das fases deletérias. Assim o presente trabalho tem por objetivo avaliar amostras do aço inoxidável duplex UNS S31803 de baixa espessura, submetidas ao processo de soldagem TIG autógeno com preaquecimento no intuito de viabilizar um melhor controle da zona fundida. Para tanto variou-se o tipo de corrente (convencional e pulsado), a temperatura de preaquecimento e o gás de proteção. Foram avaliados o balanço (ү/α) e realizados ensaios de duplo ciclo de reativação eletroquímica potenciodinâmica (DL-EPR) para avaliar a resistência à corrosão dessa região. A caracterização microestrutural foi avaliada por meio de microscopia ótica e Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV). Verificou-se que o tipo de corrente, a temperatura de preaquecimento e o gás de proteção influenciaram no balanço microestrutural, bem como na resistência à corrosão. Palavras chave: Aço Inoxidável Duplex UNS S31803, soldagem TIG, temperatura de preaquecimento, Corrosão
The necessity of materials that combine high corrosion resistance and good mechanical properties make the duplex stainless steel UNS S31803 widely used in corrosion environments, such as petrochemical industry, marine and others. Their weldability necessary for mounting and repairing equipment, still have many technological difficulties, such as precipitation of deleterious phases and alteration of ferrite/austenite balance. It becomes more complex when is difficult to control the heat flux. This work has the purpose to evaluate samples of duplex stainless steel UNS S31803 of thinness, subjected to GTAW weld process without filler metal with preheating in order to enable better control of the fusion zone. Experiments were conducted varying current (convectional and pulsed) and temperature of the preheating stage. Test of double loop electrochemical potentiodynamic reactivation was also performed in order to study the corrosion resistance in this region. The balance of ferrite/austenite was accounted and the microstructural characterization was evaluated by optical microscopy and scanning electron microscopy (MEV). It was concluded that changing the types of current, the shielding gas and the temperature of preheating influenced the microstructural balance and corrosion resistant.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9732
Aparece nas coleções:PPGEM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10433_RODRIGO SOARES DOS SANTOS.pdf5.52 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.