Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9783
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisorBozzi, Antônio César-
dc.date.accessioned2018-08-02T00:03:10Z-
dc.date.available2018-08-01-
dc.date.available2018-08-02T00:03:10Z-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufes.br/handle/10/9783-
dc.publisherUniversidade Federal do Espírito Santopor
dc.subjectSuperliga de cobaltopor
dc.subjectTransformação de fasepor
dc.subjectCarga normalpor
dc.subjectEnsaio pino-discopor
dc.subjectBaixo atritopor
dc.subjectCo-base superalloyeng
dc.subjectPhase transformationeng
dc.subjectNormal loadeng
dc.subjectPin-on-disctesteng
dc.subjectVery low friction coefficienteng
dc.titleO Efeito da Carga Normal no Comportamento Tribológico de uma Superliga de Cobalto no Ensaio Pino-discopor
dc.typemasterThesiseng
dc.subject.udc621-
dcterms.abstractO coeficiente de atrito e o desgaste nos ensaios de desgaste por deslizamento em superligas de cobalto é fortmente influenciado pela transformação de fase (CFC para HC) que ocorre devido ao trabalho mecânico, conforme já reportado pela literatura. Os valores de μ costumam se situar na faixa de 0,15 a 0,20. Este trabalho apresenta o comportamento do atrito e do desgaste de um ensaio de deslizamento sem lubrificação utilizando uma configuração pino-disco, sendo o pino feito de aço inoxidável supermartensítico e o disco de uma superliga de cobalto fundida, num tribômetro PLINT TE67. Os ensaios foram conduzidos em temperatura ambiente, usando apenas uma velocidade e variando a carga normal (5-500 N). O coeficiente de atrito e o potencial de contato foram monitorados durante os ensaios. Utilizou-se um MEV e perfilometria 3D para caracterizar o volume e o mecanismo de desgaste. Para as cargas de 350, 400 e 450 N, após atingir condições de regime estacionário, um coeficiente de atrito não usual (μ<0,01) e uma baixa taxa de desgaste foram encontradas. A análise da difração de raios-X revelou a mencionada transformação de fase. Palavras chave: superliga de cobalto, transformação de fase, carga normal, ensaio pino-disco, baixo atrito.por
dcterms.abstractIt has been reported in the literature that the wear and the friction coefficient (μ) in sliding wear tests of cobalt-base alloys is strongly influenced by the phase transformation (FCC to HCP) that takes place in these alloys due to mechanical work. Usually the values of μ, after the transformation, are in the range of 0.15-0.20. The present work reports the behavior of friction and wear for the unlubricated sliding of a supermartensitic stainless steel pin on an as-cast Co-base superalloydisk, usinga PLINT TE-67 tribometer. The tests were conducted at room temperature, using a single sliding speed and varying the normal load (5-500 N). The coefficient of friction and the contact potential were monitored during the tests. Scanning electron microscopy(SEM) and 3D profilometry were used to characterize the wear volume and wear mechanisms. For loads ranging from 350 to 450 N, after achieving steady-state conditions, an unusual very low friction coefficient (μ<0.01) and low wear rate were found. The X-ray diffraction analysis on the wear track revealed the mentioned transformation.eng
dcterms.creatorTauffer, Renato Leão-
dcterms.formatTexteng
dcterms.issued2014-12-22-
dcterms.languagepor-
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Mecânicapor
dc.publisher.initialsUFESpor
dc.subject.cnpqMecânica dos sólidospor
dc.publisher.courseMestrado em Engenharia Mecânicapor
dc.contributor.refereeMello, José Daniel Bissoli de-
dc.contributor.refereeMacêdo, M. C. S.-
dc.contributor.advisor-coScandian, Cherlio-
Aparece nas coleções:PPGEM - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_8415_RENATO LEÃO TAUFFER.pdf6.53 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.