Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9856
Título: Suporte automatizado para desenvolvimento de ontologias utilizando padrões ontológicos de domínio
Autor(es): Souza, André Kapich
Orientador: Guizzardi, Renata Silva Souza
Data do documento: 10-Ago-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: A Engenharia de Ontologias tem evoluído bastante nas últimas décadas, com um número crescente de metodologias, ferramentas e aplicativos, que estão sendo propostos e experimentados na academia e na indústria. Por meio das ontologias, o conhecimento compartilhado de um domínio pode ser modelado para ser comunicado entre pessoas e sistemas automatizados. Com isso, a utilização de ontologias se torna uma importante ferramenta em diversas áreas do conhecimento para se estruturar, organizar e apoiar o compartilhamento dos conceitos que são inerentes a essas áreas. Além disso, com o uso de ontologias, a interoperabilidade entre sistemas se torna possível, devido à normatização e ao uso de padrões em sua construção. No entanto, o desenvolvimento de ontologias a partir do zero é uma tarefa difícil e complexa, uma vez que uma ontologia deve fornecer uma representação completa e coerente de uma parte específica do mundo. Assim, a reutilização é altamente recomendada em seu desenvolvimento, permitindo que as ontologias sejam construídas com base em modelos pré-existentes, levando a melhores resultados quanto a sua qualidade. Neste sentido, Padrões Ontológicos (OPs) são considerados como ferramentas interessantes para facilitar a reutilização. Recentemente, vários autores da comunidade de Engenharia de Ontologias já propuseram OPs e mecanismos para aplicá-los. No entanto, sistemas automatizados para apoiar a sua utilização na prática ainda são raros. Para preencher esta lacuna, esta dissertação propõe um editor para catálogos OPs, cujo objetivo é apoiar o gerenciamento e o reúso desses padrões. Assim, a abordagem de catálogo de OPs pode ser aplicada na construção de ontologias, com suporte automático. No desenvolvimento do editor proposto, optou-se por estender um editor de ontologias existente (o OLED) para aproveitar suas ferramentas de modelagem, verificação, transformação e validação. Também foram parcialmente implementados três catálogos de OPs específicos para os domínios de Serviço, de Processo de Software baseado na ISO e de Colaboração. Além disso, esta dissertação descreve três exemplos de utilização, um para cada um dos domínios citados, visando demonstrar a viabilidade da abordagem de construção de ontologias utilizando catálogos de OPs com o uso do editor desenvolvido, enfatizando também o benefício do reúso de OPs.
Ontology Engineering has evolved a lot in the last decades, with a growing number of methodologies, tools and applications being proposed and tried out in academia and industry. Through ontologies, the shared knowledge of a domain can be modeled to be communicated between people and automated systems. With this, the use of ontologies becomes an important tool in several areas of knowledge to structure, organize and support the sharing of the concepts that are inherent to these areas. In addition, with the use of ontologies, interoperability between systems becomes possible, due to the standardization and the use of patterns in its construction. However, the development of ontologies from scratch is a difficult and complex task, since an ontology must provide a complete and coherent representation of a specific part of the world. Thus, reuse is highly recommended in its development, allowing the ontologies to be built based on pre-existing models, leading to better results as to their quality. In this sense, Ontological Patterns (OPs) are considered as interesting tools to facilitate reuse. Recently, several authors of the Ontology Engineering community have already proposed OPs and mechanisms to apply them. However, automated systems to support their use in practice are still rare. To fill this gap, this dissertation proposes an editor for OPs catalogues, whose objective is to support the management and reuse of these OPs. Thus, the OPs catalogue approach can be applied in the construction of ontologies, with automatic support. In the development of the proposed editor, we opted to extend an existing ontology editor (OLED) to take advantage of its modeling, verification, transformation and validation tools. Three specific OPs catalogues for the Service, ISO-based Software Process and Collaboration domains have also been partially implemented. In addition, this dissertation describes three examples of utilization, one for each of the mentioned domains, aiming to demonstrate the viability of the ontology building approach using OPs catalogues with the use of the developed editor, emphasizing also the benefit of the reuse of OPs.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9856
Aparece nas coleções:PPGI - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11572_dissertacao20180221-94719.pdf6.45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.