Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9878
Título: "O alvoroço do mangangá": uma análise do processo patrimonialista do jongo na comunidade de São Mateus, Anchieta (ES).
Autor(es): SILVA, L. A.
Orientador: SILVA, S. J.
Data do documento: 20-Jul-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: SILVA, L. A., "O alvoroço do mangangá": uma análise do processo patrimonialista do jongo na comunidade de São Mateus, Anchieta (ES).
Resumo: A presente pesquisa tem por objetivo descrever os processos de constituição e organização social e política dos comunitários de São Mateus, comunidade negra localizada na área rural do município de Anchieta (ES). Será observado que suas práticas culturais, tais como o jongo, são elementos discursivos, legitimadores e demarcadores da identidade étnica do grupo em face dos agentes locais na constituição do acesso à Políticas Públicas. A memória social será abordada na presente etnografia como um elemento articulador na construção dos discursos dos indivíduos, cujo conteúdo é de valorizar o passado e suas recriações, e releituras do presente. Tal fato ocorre com os praticantes do jongo no Espírito Santo, já que, em detrimento a atual conjuntura jurídica por meio dos artigos 215 e 216 da Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, fomentam-se as políticas patrimonialistas das práticas culturais por parte do Estado. Por meio do trabalho etnográfico, a pesquisa enfoca as dimensões simbólicas das ações sociais dos sujeitos, com a finalidade de perceber como as diferentes formas de mediação são responsáveis por tecer espaços de representação nas lutas sociais em torno do jongo de São Mateus.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9878
Aparece nas coleções:PPGCSO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10072_DISSERTAÇÃO FINALÍSSIMA20170113-114801.pdf3.91 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.