Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9937
Título: Respostas fisiológicas e citogenéticas em raízes de Allium cepa L. expostas às amostras de àgua e sedimento de três barragens ao longo da bacia do Rio Santa Maria da Vitória (ES, Brasil)
Autor(es): COELHO, E. J. R.
Orientador: MATSUMOTO, S. T.
Data do documento: 23-Fev-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: COELHO, E. J. R., Respostas fisiológicas e citogenéticas em raízes de Allium cepa L. expostas às amostras de àgua e sedimento de três barragens ao longo da bacia do Rio Santa Maria da Vitória (ES, Brasil)
Resumo: RESUMO O aumento da população humana e o desenvolvimento de suas atividades rurais, industriais e urbanas estão intimamente ligadas a impactos gerados ao meio ambiente e os corpos dágua são os principais ecossistemas afetados. Bioensaios com plantas superiores são muito comuns para determinar a qualidade ambiental de um ecossistema poluído. Assim, este trabalho propo&#770;s realizar estudos para avaliaça&#771;o da qualidade de amostras de a&#769;gua e sedimento das represas Suíça, Rio Bonito e Duas Bocas, presentes na bacia do Rio Santa Maria da Vitória, empregando para&#770;metros fi&#769;sico-qui&#769;micos e ensaios toxicolo&#769;gicos e bioquímicos em Allium cepa. Foram definidas três estações amostrais na represa de Rio Bonito (RB1, RB2 e RB3), duas na represa Suíça (SU1 e SU2) e uma estação amostral em Duas Bocas (DB). As coletas das amostras de água e sedimento foram realizadas em março (período seco) e novembro (período chuvoso) de 2016, e foram analisados parâmetros como condutividade, oxigênio dissolvido, turbidez, temperatura e metais. A determinação dos metais ocorreu por análises de espectrometria de massa. Das amostras de sedimento foi extraído o solubilizado para realização dos ensaios. Os bioensaios com Allium cepa foram realizados por meio de sementes germinadas em exposição às amostras de água e sedimento. A avaliação citogenética envolveu a análise dos índices mitótico (IM), índice de aberrações cromossômicas (AC), frequência de micronúcleos (MN) de raízes meristemáticas e frequência de micronúcleos em f1 de A. cepa. A avaliação de parâmetros de toxicidade se deram por meio de análise de crescimento radicular e germinação. Para análise bioquímica de estresse oxidativo, foram quantificadas SOD, CAT, GST, GHS e LPO. A análise estatística foi realizada aálise de variância seguida pelo teste de Tukey (p < 0,05). Os resultados físicos e químicos indicam que as três represas apresentam indícios de eutroficação. As represas de Rio Bonito e Suíça apresentaram potencial citotóxico, mutagênico e genotóxico nas duas campanhas tanto para as amostras de agua, quanto sedimento. A represa de Duas bocas apresentou apenas potencial citotóxico e genotóxico. Os danos citogenéticos obversados foram maiores nas amostras de solubilizado. O mesmo ocorreu no período chuvoso, quando comparamos os danos entre os periodos de chuva e estiagem. Podemos afirmar que os bioensaios com Allium cepa são uma ótima ferramenta para verificar a qualidade ambiental, complementando as análises físicas e químicas realizadas em biomonitoramentos de ambientes poluídos. Palavras-chave: citotoxicidade, genotoxicidade, mutagenicidade, estresse oxidativo, enzimas, toxicidade
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9937
Aparece nas coleções:PPGBV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_10677_Dissertação Final PPGBV Edvar.pdf19.33 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.