Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9956
Título: COMPARAÇÃO de Métodos de Conservação sobre Os Processos Fisiológicos E bioquímicos Relacionados Com características Essenciais à Qualidade E comercialização do Mamão Carica Papaya L.
Autor(es): BRUNA F. LOPES
Orientador: FIGUEIREDO, S. G.
Palavras-chave: Palavras-chave: Radiação gama
enzimas
pectina
mamão
tec
Data do documento: 26-Fev-2007
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: BRUNA F. LOPES, COMPARAÇÃO de Métodos de Conservação sobre Os Processos Fisiológicos E bioquímicos Relacionados Com características Essenciais à Qualidade E comercialização do Mamão Carica Papaya L.
Resumo: RESUMO O mamão é um fruto climatérico de difícil manejo nas etapas entre a colheita e o mercado consumidor. Durante o amadurecimento os polissacarídeos da parede celular, responsáveis pela textura dos frutos, são degradados por enzimas hidrolíticas (pectinametilesterase (PME), b-galactosidase (b-gal) e celulase), o que acarreta perda da textura. Este trabalho comparou o efeito de três métodos de conservação sobre os processos bioquímicos/fisiológicos relacionados com características essenciais à qualidade e comercialização do mamão Carica papaya L. da cultivar Golden. Os frutos foram colhidos no estádio 1 de maturação e separados em 3 grupos: (C) controle - lavagem em água clorada; (TP) tratamento padrão - tipo exportação; (I) irradiado - radiação gama 0,8kGy. Os frutos foram mantidos em condições naturais de amadurecimento e as características organolépticas e as atividades de enzimas de parede celular foram avaliadas. Os frutos do grupo I apresentaram maior textura e menor atividade da PME, b-gal e celulase, o que sugere que a radiação gama retarda o amadurecimento dos frutos pela redução da atividade destas enzimas. O teor de carboidrato foi semelhante para todos os grupos (@11,57 g/100g polpa) quando estes atingiram textura ideal para o consumo, 4º, 6º e 10º dia pós-colheita para frutos dos grupos TP, C e I respectivamente. Esses resultados mostram que a radiação gama foi o tratamento mais eficiente entre os testados, uma vez que forneceu um ganho de 4 e 6 dias de conservação quando comparados aos frutos dos grupos C e TP respectivamente, sem o comprometimento de características sensoriais e nutricionais. Palavras-chave: Radiação gama, enzimas, pectina, mamão, tecnologia pós-colheita.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9956
Aparece nas coleções:PPGBV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
tese_2686_BRUNA ELEMENTOS PRÉ.pdf62.67 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.