Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9971
Título: Crescimento e desempenho fotoquímico do processo fotossintético em abacaxizeiro "Vitória"
Autor(es): Zamperlini, Gabriela Pessotti
Orientador: Silva, Diolina Moura
Coorientador: Ventura, José Aires
Palavras-chave: Abacaxi
fluorescência da clorofila
Data do documento: 23-Mar-2010
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: No intuito de ampliar o conhecimento sobre a cultura do abacaxizeiro, em particular da cultivar Vitória, um híbrido resistente à fusariose, este trabalho avaliou o crescimento e o desempenho fotossintético de plantas cultivadas na Fazenda Experimental do Incaper em Sooretama, Estado do Espírito Santo. Em um delineamento experimental inteiramente casualizado, a altura da planta e o comprimento da folha D, os teores de pigmentos fotossintéticos e a eficiência fotoquímica foram monitorados, desde o estádio de muda até o final do estádio reprodutivo. As plantas da cv. Vitória apresentaram menor porte do que os abacaxizeiros das cultivares Pérola e Smooth Cayenne, que são as mais produzidas no Brasil. O teor de pigmentos fotossintéticos (clorofilas a e b e carotenóides) aumentou durante o estádio vegetativo e manteve-se estável até o último mês de análise, quando sofreu uma redução. A análise da fluorescência transiente mostrou um aumento na densidade de centros de reação ativos do fotossistema II (RC/ABS), na força das reações fotoquímicas (P0/(1-P0)), na força relacionada às reações após a redução de QA- (0/(1-0)), e na performance das reações de óxido-redução no fotossistema I (R0/(1-R0)) durante o estádio vegetativo, que resultou no aumento do índice de vitalidade (PIABS) e do índice de vitalidade total (PITOTAL) das plantas ao final do período vegetativo. Estes índices apresentaram redução em seus valores três semanas após a indução floral, indicando uma inibição da fotossíntese, que evidencia uma sensibilidade das plantas à indução. Porém, os abacaxizeiros Vitória parecem apresentar mecanismos eficientes de diminuição dos danos ao aparato fotoquímico, visto que houve uma recuperação em RC/ABS, P0/(1-P0) e 0/(1-0) durante o período reprodutivo. Estes resultados permitem inferir que os índices de desempenho fotoquímico (PIABS e PITOTAL) foram parâmetros sensíveis à indução floral, mostrando-se eficientes na detecção de mudanças fisiológicas ocorridas durante o estádio vegetativo e reprodutivo das plantas de abacaxizeiro Vitória.
In order to increase knowledge about the pineapple crop, particularly the cultivar 'Vitória', a hybrid resistant to fusariosis, this work evaluated the growth and the photosynthetic activity of plants cultivated at the Experimental Farm of Incaper in Sooretama, State of Espírito Santo. In a completely randomized block design, the plant height and leaf length "D", the contents of photosynthetic pigments and the photochemical efficiency were monitored, from the sucker stage to the end of the reproductive stage. The pineapple cv. Vitória were smaller than those of pineapple cultivars Pérola and Smooth Cayenne, which are the most cropped in Brazil. The content of photosynthetic pigments (chlorophyll a and b and pigments carotenoids) increased during the vegetative stage and remained stable until the last months of analysis, when he suffered a fall. The analysis of fluorescence transient parameters showed a increase in the density of active reaction centers of photosystem II (RC/ABS), in the strength of photochemical reactions (φP0/(1-φP0)), in force related to the reactions after the reduction of QA- (ψ0/(1-ψ0)), and performance of the reactions of oxidation-reduction in photosystem I (δR0/(1-δR0)) during the vegetative stage, resulted in increased of vitality index (PIABS) and the total index of vitality (PITOTAL) of plants at the end of vegetative period. These indices showed a reduction in their values three weeks after floral induction, indicating an inhibition of photosynthesis, which shows a sensitivity of plants to induction. However, the pineapples ‘Vitória’ appear to have efficient mechanisms for reduction of damage to the photochemical apparatus, since there was a recovery of RC/ABS, φP0/(1-φP0) and ψ0/(1-ψ0) during the reproductive stage. These results suggest that the rates of photochemical performance (PIABS and PITOTAL) were parameters sensitive to floral induction, proved to be effective in detecting physiological changes occurring during the vegetative and reproductive stage of plants of pineapple 'Vitória'
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9971
Aparece nas coleções:PPGBV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_4383_Dissertação - Gabriela Pessotti Zamperlini.pdf3.06 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.