Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9992
Título: Ecologia de algas perifíticas em uma lagoa costeira com múltiplos usos (lagoa Juara, Serra, ES)
Autor(es): Almeida, Stéfano Zorzal de
Orientador: Fernandes, Valéria de Oliveira
Coorientador: Milanez, Camilla Rozindo Dias
Palavras-chave: Perifiton
psicultura
efluente doméstico
biomassa
Data do documento: 23-Fev-2011
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Lagoas costeiras são corpos d’água rasos, geralmente orientados paralelos à costa e que frequentemente são impactados por ações antrópicas. A lagoa Juara (Serra, ES, Brasil) é um ambiente costeiro raso que tem múltiplos usos, como recreação, pesca e piscicultura intensiva. Apresenta tributários que veiculam efluentes domésticos sem tratamento. O presente estudo objetivou avaliar as respostas das algas perifíticas em duas estações amostrais sujeitas a diferentes impactos antrópicos. Três estruturas experimentais contendo substrato artificial (lâminas de vidro) foram implantadas em dez/2009 em duas estações amostrais: TR – na região de piscicultura intensiva (tanque rede) e; ED – próximo a desembocadura do córrego Laranjeiras, veiculador de efluentes domésticos, e da sede da Associação de Pescadores. Foram realizadas coletas em cada uma das estruturas experimentais após 21, 26 e 31 dias de colonização do substrato. Foram avaliadas: transparência, condutividade elétrica, pH, turbidez, sólidos totais em suspensão, alcalinidade, oxigênio dissolvido, temperatura da água, nitrogênio total, nitrato, nitrito, nitrogênio amoniacal, fósforo total, ortofosfato e silicato. O perifiton raspado foi analisado através dos seguintes atributos: densidade (total e por classe), riqueza (total e por classe), biovolume (total e por classe), diversidade, equitabilidade, abundância, dominância, pigmentos fotossintetizantes (clorofila a e b e carotenóides), feofitina, peso seco e peso seco livre de cinzas. As duas estações amostrais apresentaram características eutróficas, sendo que ED apresentou maiores de condutividade elétrica, turbidez, sólidos totais suspensos, alcalinidade total, nitrogênio total, nitrato, nitrogênio amoniacal e ortofosfato. Foram registrados em TR valores maiores para temperatura d’água, transparência da água e silicato. Densidade e biovolume total não apresentaram diferenças significativas entre as estações amostrais. As classes Bacillariophyceae foram significativamente maiores na estação TR para densidade e biovolume. A densidade e biovolume das classes Coscinodiscophyceae e Cyanophyceae foram significativamente maiores em ED. Riqueza (total e por classe), diversidade, clorofila b, carotenóides, feofitina, peso seco e peso seco livre de cinzas não apresentaram diferença significativa entre as estações amostrais. Clorofila a foi maior na estação ED. Diferentes impactos causaram respostas diferentes na comunidade de algas perifítcas, principalmente no que diz a sua composição
Coastal lagoons are shallow water bodies, usually oriented parallel to the coast and are often impacted by human activities. Juara lagoon (Serra, Brazil) is a shallow coastal environment that has multiple uses such as recreation, fishing and intensive aquaculture. Displays tributaries that convey untreated effluents. This study aimed to evaluate periphyton responses in two sampling sites subject to different human impacts. Three experimental structures containing artificial substrates (glass plates) were implanted at two sampling sites in Dec/2009: TR - within the intensive fish (net cage); and ED - near the mouth of the Laranjeira creek, disseminator of wastewater, and the headquarters of the Associação de Pescadores. Plants were sampled in each of the experimental structures after 21, 26 and 31 days of succession. Were evaluated: transparency, conductivity, pH, turbidity, total suspended solids, alkalinity, dissolved oxygen, water temperature, total nitrogen, nitrate, nitrite, ammonia nitrogen, total phosphorus, orthophosphate and silicate. The periphyton scrapings was analyzed by the following attributes: density (total and per class), richness (total and per class), biovolume (total and per class), diversity, evenness, abundance, dominance, photosynthetic pigments (chlorophyll a and b and carotenoid) pheophytin, dry weight and ash-free dry weight. The two sampling sites showed eutrophic characteristics, with ED had higher electrical conductivity, turbidity, total suspended solids, total alkalinity, total nitrogen, nitrate, ammonia nitrogen and orthophosphate. TR were recorded higher values for water temperature, water transparency and silicate. Density and total biovolume showed no differences between sampling sites. Bacillariophyceae were significantly higher at station TR for density and biovolume. Coscinodiscophyceae and Cyanophyceae density and biovolume were significantly higher in ED. Richness (total and per class), diversity, chlorophyll b, carotenoids, pheophytin, dry weight and ash-free dry weight showed no significant difference between the sampling stations. Chlorophyll a was higher at station ED. Impacts caused different responses in different periphytic community, especially in terms of their composition.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9992
Aparece nas coleções:PPGBV - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_5188_Stéfano Zorzal de Almeida - Dissertação.pdf520.14 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.