Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11181
Título: Gestos de desenho em linhas de fuga : estratégias na construção do desenho performativo na arte contemporânea
Autor(es): Firmino, Ana Cláudia de Sena
Orientador: Gonzaga, Ricardo Maurício
Data do documento: 23-Mai-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta pesquisa propõe pensar uma série de questões, inerentes ao desenho, que propicia estratégias à construção do desenho performativo na arte contemporânea. O uso do termo desenho performativo refere-se ao processo de criação que evidencia o gesto de desenho do artista durante a ação do desenho por meio de estratégias reveladoras da sua potência para participar da captação de novas possibilidades da arte, considerando questões fenomenológicas que alteram a noção de projeto ao problematizá-lo dentro do espaço e tempo de ação. Para isso, trata-se o desenho detentor de linhas de fuga ou de ruptura, através da filosofia de Gilles Deleuze, para enxergar as mais diversas possibilidades do desenho, para além das concepções e técnicas tradicionais. O estudo é firmado em aportes teóricos de outros autores e análise de trabalhos de artistas que exploram a ação do corpo do artista na criação, em uma orientação interpretativa para desenho, ou seja, buscando possibilidades de leitura de trabalhos numa óptica do gesto de desenho, no sentido de identificar estratégias comuns que permitem associá-los em proposições do desenho performativo.
This research proposes to think about a series of questions, inherent to drawing, which provides strategies for the construction of performative drawing in contemporary art. The use of the term performative drawing refers to the process of creation that evidences the gesture of drawing of the artist's body during of the action of drawing through strategies that reveal the power of drawing to participate in the capturing new possibilities of art, considering phenomenological issues that alter the notion of project by problematizing it within the space and time of action. For this purpose, it is considered the drawing possessor lines of escape or rupture, through the philosophy of Gilles Deleuze, to see the most diverse possibilities of drawing, beyond the conceptions and traditional techniques. The study is based on theoretical contributions from other authors and analysis of works by artists who explore the action of the artist's body in creation, in an interpretative orientation for drawing, that is, seeking possibilities of reading works in a perspective of the gesture of drawing, in order to identify common strategies that allow associating them in propositions of performative drawing.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11181
Aparece nas coleções:PPGA - Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Não existem arquivos associados a este item.


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.