Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11312
Título: Memórias de um economista : Schacht e a Alemanha nos anos 1920
Autor(es): Sartório, Sarah Gonçalves Patrocínio
Orientador: Arthmar, Rogério
Palavras-chave: Guerra
Tratado de Versalhes
Alemanha
Hjalmar Schacht
Data do documento: 9-Mai-2019
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Esta dissertação versa sobre a Alemanha nos anos 1920. Inicialmente será apresentado o teatro de operações da Primeira Guerra Mundial (1914-1918), mencionando as perdas humanas e materiais e enfatizando algumas das principais batalhas que compuseram este grande conflito, como as batalhas de Marne e Somme. Após, dado o fim da primeira guerra, mostrar-se-á a nova reorganização territorial da Europa, com a desintegração de impérios e o surgimento de novos países. Em seguida, discute-se sobre as reparações de guerra, bem como os imensos obstáculos no caminho para a plena restauração da ordem econômica mundial. Adiante, são colocadas as percepções e memórias do economista alemão, Hjalmar Schacht, a respeito do período em questão. Schacht foi secretário da moeda, presidente do Reichsbank e ministro da economia no período entreguerras, e por ocupar tais posições, se auto intitulava o guardião da moeda alemã, o que exigiu dele mais que controlar a política monetária, mas também lutar intransigentemente pelo fim das reparações de guerra.
This Master Thesis is about Germany in the 1920s. Initially the theater of operations of World War I (1914-1918) will be presented, mentioning the human and material losses and emphasizing some of the main battles that composed this great conflict, as the battles of Marne and Somme. After the end of the first war, the new territorial reorganization of Europe will be shown, with the disintegration of empires and the emergence of new countries. Next, war reparations are discussed, as well as the immense obstacles on the way to the full restoration of the world economic order. The perceptions and memoirs of the German economist, Hjalmar Schacht, about the given period are set forth below. Schacht was the Secretary of Currency, president of the Reichsbank, and minister of economics in the between the WWs. He was the guardian of the German currency, which demanded of him rather than control monetary policy, but also strive intransigently for the end of war reparations.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11312
Aparece nas coleções:PPGECO - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11279_Dissertação Sarah Sartório_versão final (08-07-19).pdf940.33 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.