Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/11400
Título: Teoria da relatividade restrita : uma seguência didática investigativa, com a utilização de uma ferramenta computacional como facilitadora do processo de ensino/aprendizagem da contração espacial de Lorentz
Autor(es): Gobbi, Luiz Henrique
Orientador: Alvarenga, Flávio Gimenes
Data do documento: 30-Set-2016
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Este presente trabalho procura apresentar, utilizando uma simulação computacional, uma sequência didática com um enfoque investigativo, e objetiva abordar um tópico da cinemática relativística, em particular, o fenômeno físico da contração espacial, com estudantes do primeiro ano do ensino médio. Além da dissertação, esta pesquisa proporcionou a elaboração de um produto final, um conjunto software + material instrucional, que pode oportunizar a outro professor, em outro momento e em outro ambiente escolar uma alternativa para um ensino de Física mais interessante para o aluno. O trabalho é aportado na Teoria da Mediação de Vigotsky visto que, ao longo da aplicação da sequência didática, os alunos, coletiva ou individualmente, irao formular as hipóteses, escolher os procedimentos e/ou dados e obter as conclusões com base na sua realidade sociocultural. Também seguimos as premissas da Aprendizagem Significativa de Ausubel visto que a proposta de ensino deste tem um caráter investigativo e uma demonstração investigativa é uma atividade que necessita de conhecimentos prévios. Os dados coletados para a pesquisa tiveram origem nas atividades realizadas pelos estudantes e do acompanhamento sistemático da aplicação da sequência didática. Assim sendo, utilizamos como instrumentos de coletas: diários de bordo, questionários pré e pós-intervenção escala Likert, gravações das aulas em vídeos, roteiro semiestruturado (com o uso do simulador) e entrevistas, configurando um estudo qualiquantitativo. Os processos de análise dos dados coletados foram: análise do ganho de autoeficácia, via TESTE T DE STUDENT, em questionários objetivos no formato Likert; análise dos argumentos produzidos pelos estudantes, segundo a técnica da ANALISE DE CONTEUDO, sugerida por Trivinhos e as análises das entrevistas grupo focal, dentro do referencial da TEORIA FUNDAMENTADA, sugerida por Gaskell. Os resultados indicaram ganho no parâmetro das habilidades dos alunos no teste objetivo, com significância estatística, e construção de conceitos, padrões e conexões com o auxílio do simulador, mediante a análise dos materiais produzidos pelos alunos
Aparece nas coleções:PPGEEB – Dissertações de Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_13155_113 - DISSERTAÇÃO - DANIEL SANTOS DE SOUZA.pdf7.16 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.