Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9189
Título: Difficile est saturam bene vertere : os desafios da tradução poética e uma versão brasileira das Sátiras de Juvenal
Autor(es): Carmo, Rafael Cavalcanti do
Orientador: Carvalho, Raimundo Nonato Barbosa de
Data do documento: 25-Mai-2018
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Resumo: Este estudo apresenta uma tradução integral das Sátiras de Décimo Júnio Juvenal, poeta latino cuja obra foi escrita nos anos iniciais do século II d.C. Além de apresentar-se uma versão da obra juvenaliana para o português, propõe-se, no estudo, um panorama a respeito das ideias de alguns dos pensadores que dedicaram reflexões e comentários à tradução. Tal panorama, além de informar sobre a maneira como se entendeu a tradução em épocas distintas, cumpre a função de oferecer um conjunto de noções a partir das quais não apenas se elegeu um procedimento específico para nortear o esforço tradutório aqui levado a cabo, como também se consolidou o entendimento sobre a tradução de que o estudo é exemplar. Objetivou-se, enfim, tecer breves comentários sobre traduções anteriores da obra de Juvenal, a saber: as de Francisco António Martins Bastos e António de Sousa da Silva Costa Lobo, tradutores portugueses do século XIX, bem como sobre a própria tradução em que a tese consiste, a fim de ilustrar a relevância da leitura e compreensão individuais para o resultado final a que chega uma tradução. Dessa forma, destaca-se a relação íntima que a atividade do tradutor tem com a do crítico.
This study presents a translation of Decimus Junius Juvenal’s complete works, a latin poet whose work was written in the early second century A.D. Besides presenting a version of the juvenalian work to portuguese, the study proposes a panorama concerning the ideas of some authors who dedicated thoughts and commentaries about translation. Such panorama, besides informing about the ways in which translation has been understood in different periods, carries out the function of offering a complex of notions from which not only a specific procedure has been elected as a guide to the translating effort here attempted, but also an understanding concerning translation has been solidified, of which this study is illustrative. Furthermore, the study aimed to make brief comments about former translations of Juvenal’s work: those made by Francisco António Martins Bastos and António de Sousa da Silva Costa Lobo, translator of the nineteenth century, as well as about the translation in which this very work consists, aiming to illustrate the relevancy of personal reading and interpretation to the final result of a given translation. Thus the work highlights the intimate relation that the translator’s activity has with that of the critic.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9189
Aparece nas coleções:PPGL - Dissertações de mestrado



Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.