Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9372
Título: A perspectiva dos esprits animaux como causa dos movimentos corporais e das paixões em Descartes
Autor(es): Nogueira, Abraão Carvalho
Orientador: Murta, Claudia Pereira do Carmo
Palavras-chave: Espíritos animais
Corpo máquina
Data do documento: 3-Jul-2017
Editor: Universidade Federal do Espírito Santo
Citação: NOGUEIRA, Abraão Carvalho. A perspectiva dos esprits animaux como causa dos movimentos corporais e das paixões em Descartes. 2017. 162 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Espírito Santo, Centro de Ciências Humanas e Naturais.
Resumo: Ao percurso da leitura das obras cartesianas Traité de L'homme (1648), e Les passions de lâme (1649), encontramos uma categoria que é essencial para a compreensão do dualismo cartesiano: o conceito de esprits animaux. Esse conceito articula um dos principais fundamentos da compreensão do filósofo René Descartes (1596-1650) em relação ao dualismo corpo e alma. O componente físico e corpóreo desse nexo corpo e alma para Descartes, nessa perspectiva, residirá sobretudo no movimento e ação desses espíritos animais no corpo, que são produzidos no cérebro como o demonstra no Art. X do Traité des Passions de L'âme de nome Comment les esprits animaux sont produits du cerveau. A compreensão essencial desse conceito e de sua formulação teórica é ambientada por outra concepção: corps machine, como formulações em referência ao materialismo filosófico. Esprits animaux e corps machine são dois conceitos essenciais para a compreensão da interlocução filosófica entre Descartes e La Mettrie (1709-1751) nas obras L'homme machine (1895) e Les animaux plus que machines (1796). Causalidade e movimentos mecânicos dos corpos são concepções que expressam aproximação e confronto entre esses dois filósofos.
In the reading of the Cartesian works Treatise of Man (1648) and The Passions of Soul (1649), we find a essential category for comprehension to cartesian dualism: the concept of animal spirits. This concept articulates one of the main foundations of the comprehension of the french philosopher René Descartes (1596-1650) in relation to body and soul dualism. The component physical and corporeal of this relation between the body and soul for Descartes, in this perspective, resides mainly in the movement and action of the animal spirits in the body, which are produced through the brain, as shown in Art. X of The Passions of Soul in the part named How animal spirits are produced from the brain. Essential for understanding of this concept and your teoric formulation is ambiented through by other conception: body machine, as formulations in reference to philosophical materialism. Animal spirits and body machine are two essential concepts for de comprenhension of the philosophical interlocution between Descartes and La Mettrie (1709-1751) in the work's The Man Machine (1895) and Animals More than Machines (1796). Causality and mechanical movements of the bodies are conceptions that expression approximation and confront between this two philosophers.
URI: http://repositorio.ufes.br/handle/10/9372
Aparece nas coleções:PPGFIL - Dissertações de mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
tese_11086__DISSERTAÇÃO_ABRAAO_FINAL.pdf768.78 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.